quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Vigilância Sanitária de Sobral interdita consultórios odontológicos e fábricas de produtos de limpeza

O Serviço de Vigilância Sanitária (ViSa/Sobral) da Secretaria de Saúde e Ação Social, numa ação conjunta com o Conselho Regional de Odontologia (CRO), realizou no dia 14 de novembro a interdição de duas clínicas odontológicas localizadas no Centro da cidade de Sobral.

As clínicas funcionavam sem autorização da vigilância sanitária e não possuíam em seus quadros um profissional habilitado no CRO, o que caracteriza exercício ilegal da profissão. Técnicos da ViSa/Sobral alertam que o maior risco desses estabelecimentos está relacionado à desinfecção e à esterilização inadequada dos instrumentos e equipamentos, sujeitos a contaminação de agentes infecciosos e transmissão de doenças como hepatites e HIV. A ViSa/Sobral recomenda a população que verifique a presença do Alvará Sanitário atualizado no consultório odontológico, antes de iniciar um tratamento. O alvará expedido pela ViSa atesta que o estabelecimento foi vistoriado e liberado, atendendo as condições de higiene necessárias.

Já nos dias
20 e 21 do mês de novembro
,
técnicos da
ViSa/Sobral, em parceira com uma equipe da
Coordenadoria de Vigilância Sanitária do Estado do Ceará
,
realizaram

inspeção sanitária em todos os estabelecimentos registrados em Sobral que fabricam e comercializam produtos saneantes como água sanitária, detergentes,
alvejantes, limpa alumínio e desinfetantes. Como saldo da operação, duas fábricas foram interditadas e as demais notificadas para regularizarem os produtos fabricados e comercializados.
Segundo a ViSa/Sobral, para serem comercializados, os produtos saneantes devem ser notificados ou registrados no Ministério da Saúde.

Os produtos clandestinos vendidos em garrafas de refrigerantes podem possuir ingredientes proibidos, sujeitos a provocar doenças como o câncer,
além do risco de ingestão acidental, principalmente por crianças, dada a sua semelhança com produtos alimentícios.
Durante todo o ano de 2007, a ViSa/Sobral desenvolveu trabalhos de orientação e fiscalização de produtos e procedimentos na área sanitária,

ação importante para manutenção da qualidade da saúde pública do município. Para tirar dúvidas ou fazer denúncia entre em contato com a
ViSa/Sobral através do telefone 3611-2223.

Jander Magalhães

Nenhum comentário:

Postar um comentário