sábado, 22 de dezembro de 2007

Bispo deixa hospital onde se recuperou da greve de fome

O bispo de Barra (BA), dom Luiz Flávio Cappio, teve alta neste sábado (22) do Hospital Memorial de Petrolina (PE), onde estava internado desde quarta-feira por causa de um desmaio provocado pela greve de fome contra a transposição do rio São Francisco, que durou 24 dias. Cappio deixou o local por volta de 4h30 da manhã, acompanhado de familiares, segundo a coordenadora do setor de hotelaria, Renata Cristina. O hospital não forneceu informações detalhadas sobre o estado de saúde do paciente nem sobre seu destino. O bispo passou por um processo gradativo de reeducação alimentar, segundo havia informado anteriormente a enfermeira-chefe do hospital, Joseano Andrade, com a intenção de aumentar aos poucos a ingestão de comida. Cappio anuncio o fim da greve de fome na última quinta-feira, por meio de carta lida ao fim da missa das 20 horas na cidade de Juazeiro (BA), por Adriano dos Santos Martins, da Coordenadoria Ecumênica de Serviços (Cese). O documento revelou “desalento” com a decisão do Poder Judiciário de suspender a liminar que proibia a continuidade das obras de transposição do rio São Francisco. A luta do bispo contra esse projeto é antiga. Ele já havia feito greve de fome em 2005.
Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário