sexta-feira, 30 de maio de 2014

CID GOMES FAZ PREGÃO REVERSO NA AL PARA CONSTRUÇÃO DE ADUTORAS

 

O Governo do Estado do Ceará, por meio da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), realizou, nesta quinta-feira (29/05), sessão pública no Plenário da Assembleia Legislativa do Ceará para receber os documentos de habilitação e as propostas comerciais para a aquisição de tubos e conexões, distribuídos em três lotes, e serviços de construção de adutoras de montagem rápida, divididos em nove lotes. A sessão foi iniciada pelo presidente da AL, deputado Zezinho Albuquerque (Pros), e comandada pelo governador Cid Gomes.

O leilão reverso começou com lance teto de R$ 184 milhões para os 12 lotes e foi fechado por R$ 149,2 milhões, representando uma economia de mais de R$ 34 milhões para os cofres do Estado. Participaram 10 empresas, que apresentaram, inicialmente, propostas em envelopes fechados e em seguida deram lances para baixo.

A contratação das empresas prevê a execução da terceira fase de construção de adutoras emergenciais, que tem no seu escopo a implantação de 417km de adutoras emergenciais de montagem rápida, distribuídas entre os municípios de Crateús, Caridade, Nova Russas, Canindé, Tauá, Irauçuba, Caririaçu, Alcântaras, Potiretama, Quiterianópolis e Maranguape, este último incluindo os seus distritos. Cerca de 273 mil cearenses serão beneficiados com a construção das adutoras de montagem rápida.

A empresa Hidrostec arrematou o primeiro e o segundo lotes e a Pipe arrematou o terceiro dos três para aquisição de tubos e conexões. Dos lotes para serviços de construção de adutoras e montagem rápida, a empresa Cosanpa ficou com os lotes 4 e 8; a Cimencol com os lotes 5, 6, 7 e 9; a SV com o lote 8; a DG Log com os lotes 10 e 12 e a Gaid com o 11.

Somente participaram da consulta pública de preços pessoas jurídicas que apresentaram propostas e documentos que atenderam à habilitação descrita nos itens do edital de convocação. A contratação tem fundamento no artigo 24, IV, da Lei nº 8.666/93, e utilizou como critério o menor preço por lote.

As especificações e os quantitativos dos tubos e conexões e os projetos básicos das adutoras estavam disponíveis para consulta na sede da Cogerh até ontem, às 17h.

Antes do leilão, Cid Gomes destacou o baixo índice pluviométrico e o fato de três quartos do território possuir solo cristalino. Ele lembrou que o Estado apresentou invernos irregulares nos três últimos anos, o que tem reduzido a capacidade de carga dos açudes. O governador também enumerou as ações que estão sendo feitas com a finalidade de os efeitos da estiagem não serem tão danosos para a população.

Fonte: http://sobraldeprima.blogspot.com.br/

MP ajuíza ação civil contra prefeito

 

O Ministério Público do Estado do Ceará ajuizou uma ação civil pública contra o prefeito do município de Madalena, Zarlul Kalil Filho; o secretário da Educação, Galileu Viana Chagas Filho; e a secretária da Saúde, Antônia Solange dos Santos Viana, por improbidade administrativa. O documento foi assinado pelo promotor de Justiça Gustavo Pereira Jansen de Mello.
Denúncias apontam que os secretários da Saúde e da Educação de Madalena, município localizado a cerca de 180 quilômetros de Fortaleza, estão desde o início de 2013, sob autorização expressa do prefeito, efetuando contratações temporárias para cargos e funções públicas nas suas pastas de modo absolutamente arbitrário. Os prestadores de serviços temporários não possuem contrato escrito, inclusão em folha de pagamento ou lei de autorização. Essas contratações violam os princípios da Administração Pública e caracterizam nítida preterição dos aprovados no concurso público realizado pelo Município em 2012, ainda em pleno vigor.
Penas
O Ministério Público pede à Justiça que determine a suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos; a perda dos cargos públicos exercidos; o pagamento por cada um de multa civil de até 100 vezes o valor das remunerações percebidas; e a proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais/creditícios pelo prazo de três anos.
O promotor de Justiça explica que só o fato das contratações terem sido realizadas com violação ao concurso público vigente, em nítida preterição dos aprovados no certame, já seria suficiente para caracterizar as condutas dos réus como atos de improbidade administrativa. “Entretanto, os demandados foram além, instituindo na Administração Pública de Madalena um método de gestão de recursos humanos sem a mínima transparência, mediante a contratação verbal de funcionários, sem qualquer vínculo formal com o município”.
Outra ação
Vale destacar que já tramita na Comarca de Madalena outra ação civil pública ajuizada pelo MP na qual foi deferida liminar determinando a nulidade dos contratos temporários, a nomeação dos candidatos aprovados no concurso até o número de vagas e a proibição ao Município de Madalena de efetuar novas contratações temporárias.

Fonte: http://macariobatista.blogspot.com.br/

TURISTA ITALO AMERICANO PASSA PELA PRAIA DO PREÁ

 

Cruz. Nesta quinta feira, 29, um moto turista passou pela Praia do Preá, Município de Cruz, a 300 Km de Fortaleza, no Litoral Extremo Oeste do Estado do Ceará. O mesmo conversou com nossa reportagem e identificou-se como sendo Leonardo Zandanel, 29, de origem italiana, mas, sua mãe é uma brasileira de Minas Gerais de nome Beatriz e seu pai é o italiano Augusto, atualmente, residentes em Boston, Estados Unidos.

clip_image002

Angra dos Reis - Brasil

Saiu de casa com a finalidade de conhecer vários países do Continente Americano. Já passou por Miami e Nova Orleans nos Estados Unidos, Matamoros e Puerto Vallarta no México, Santa Ana em El salvador, Colón no Panamá, Cartagena e Cali na Colômbia, Quito no Equador, Lima no Peru, La Paz na Bolívia, Santiago no Chile, Buenos Aires na Argentina, Montevidéu no Uruguai e Brasil.

clip_image004

Equador

No Brasil, já passou pelos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Distrito Federal, Sergipe, Bahia, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte (Natal e Mossoró) e Ceará (Jericoacoara).

clip_image006

Machupicchu

De Jericoacoara, partiu com destino a Jijoca de Jericoacoara, Granja, Camocim, Chaval, Barroquinha, Parnaíba, Lenções Maranhenses, São Luís, Belém do Pará, Manaus, Venezuela Colômbia e Estados Unidos.

clip_image008

Chile, 01/03/2013

Durante a viagem, já trabalhou em vários lugares e diz que não escolhe serviço nem profissão, pois, o negócio é ganhar dinheiro para dar continuidade a viagem.

Iniciou a vigem em companhia de um amigo que desistiu, mas ele continuou com a aventura sozinho.

clip_image010

Praia do Preá – Cruz - CE

Ainda poderá passar por outros países dependendo das condições financeiras do momento.

Na Praia do Preá, fez uma parada para manutenção da moto, uma V-Strom DL 650. Aproveitou para tomar um suco na Lanchonete de Dona Maria, despediu-se e foi embora.

clip_image012

Saída do Preá, 29/05/14

Leonardo Partiu de Boston nos Estados Unidos no dia 07 de outubro de 2013.

Para acompanhar sua viagem acesse: A PANAMERICAN RIDE.

Dr. Lima

quinta-feira, 29 de maio de 2014

PRF faz apreensão de 2kg de droga em ônibus interestadual

droga2

Em São Gonçalo do Amarante, na BR 222, km 60, em 29/05/2014 às 12h20, ocorreu apreensão de 2 kg de substância análoga à cocaína na posse de um homem de 37 anos, passageiro de um ônibus da empresa Transbrasiliana, itinerário Palmas/TO-Fortaleza/CE.
A droga encontrava-se distribuída em 23 pacotes no interior da bagagem.
Segundo o portador da droga, o entorpecente teria sido comprado em Goiânia por seis mil dólares e seria vendido em Fortaleza por 40 mil reais. Este homem já havia sido preso por tráfico em 2011 em Fortaleza.
Os policiais, uma equipe da Unidade Operacional Croatá e uma do Grupo de Operações com Cães, tiveram o apoio dos cães Ina, da raça Pastor Alemão e Sony, um Pastor Belga Malonois.
Ocorrência encaminhada à Superintendência de Polícia Federal em Fortaleza.

droga

Por Roberto Flavio Dutra

Justiça indefere denúncia de suposta propaganda eleitoral antecipada contra Eunício

 

Após o Ministério Público Federal (MPF) denunciar Eunício Oliveira (PMDB) por suposta propaganda eleitoral antecipada, a Justiça indeferiu o pedido de liminar e decidiu a favor do senador.

Durante o mês de abril, Eunício, que é pré-candidato ao governo do Estado, participou de encontros regionais promovidos pela legenda. De acordo com denúncia do MPF, o parlamentar havia percorrido o interior do Ceará para viabilizar a candidatura ao executivo estadual.

No entanto, o juiz Paulo de Tarso Pires Nogueira concluiu que não há possibilidade da consideração de campanha eleitoral antecipada pelo fato de a legislação eleitoral permitir a realização de encontros das agremiações em locais fechados objetivando a postulação de nomes para as eleições seguintes.

Fonte: http://www.cearaagora.com.br/site/

PF cumpre mandados de busca e apreensão na Câmara dos Vereadores e sede do PMDB, em Fortaleza

 

A Polícia Federal cumpriu 29 mandados de busca e apreensão na Câmara Municipal de Fortaleza e na sede do PMDB na Capital, na manhã desta quinta-feira (29/05). A ação faz parte de investigação do órgão sobre possível uso da máquina da Casa para beneficiar pré-candidatura de Eunício Oliveira (PMDB) ao Governo do Ceará.

Leia mais:

Justiça indefere denúncia de suposta propaganda eleitoral antecipada contra Eunício

Na Câmara, a PF recolheu documentos envolvendo denúncia de que veículos oficiais da Casa teriam sido usados para transportar vereadores de Fortaleza para eventos pró-Eunício no interior do Estado.

Já na sede do PMDB, também na Capital, a PF realizou batida em busca de elementos de propaganda antecipada do senador, tais como blusas, faixas, apitos e jornais informativos. Segundo o MP, esse tipo de item vem sendo distribuído em eventos do partido.

Ao todo, um veículo e três agentes da PF recolheram documentos na Casa. A Polícia Federal ainda não expediu qualquer informação sobre a ação. Uma nota detalhando a operação deverá ser divulgada ainda nesta quinta, informou a assessoria de imprensa do órgão.

: http://www.cearaagora.com.br/site/2014/05/pf-cumpre-mandados-de-busca-e-apreensao-na-camara-dos-vereadores-e-sede-do-pmdb-em-fortaleza/

Convite para evento

#CaravanasdoPT<br />#PTnoInterior<br />#IdeiasparaoCeará

PT Ceará

‪#‎CaravanasdoPT‬
‪#‎PTnoInterior‬
‪#‎IdeiasparaoCeará

CID E ZEZINHO MAIS UMA VEZ NA BASE DE EUNÍCIO

 

O governador Cid Gomes realiza nesta quinta-feira (29) a entrega de 12.395 títulos de regularização fundiária para seis municípios das Regiões Centro Sul, Inhamuns e Sertão de Crateús. O governador escolheu como local para a solenidade, a Praça da Igreja Matriz Nossa Senhora Sant’Ana, às 10 h em Iguatu, no Centro-Sul do Estado, onde o líder maior é Agenor Neto, aliado de Eunício e vice-presidente do PMDB no Ceará.

O município de Iguatu tem 2.529 agricultores familiares beneficiados. Vão ser contemplados também os municípios de Mombaça (4.185), Milhã (1.788), Quiterianópolis (913), Jaguaruana (1.148) e Quixeré (1.832).

O Programa Estadual de Regularização Fundiária é coordenado pelo Idace em parceria com a Superintendência Regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, o INCRA. (Via Blog do Roberto Moreira)

Postado por Sobral de Prima

PREFEITO DE JIJOCA DE JERICOACOARA NO EVENTO DE ZEZINHO ALBUQUERQUE EM ACARAÚ

 

Prefeito da Cidade que abriga uma das mais belas praias do mundo (Jijoca de Jericoacoara) o Padre Lindomar Filomeno, que é natural de Massapê - cidade do Presidente da Assembleia Legislativa - foi também demonstrar seu apoio ao deputado Zezinho Albuquerque (Pros) no último final de semana, acontecido no Acaraú. Na terra de Alexandre, Duquinha e Aníbal Ferreira Gomes, o prefeito de Jijoca de Jericoacoara, fez questão de subir o palanque montado no Buffet, que abrigou o evento pró-Zezinho - para empenhar seu apoio a pré-candidatura do seu conterrâneo ao Governo do Estado.

Por Armando Costa

Barbosa anuncia renúncia e aposentadoria do Supremo

Presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, durante um julgamento no STF, em Brasília. Barbosa, anunciou nesta quinta-feira que deixará o cargo e se aposentará da corte mais alta do país, segundo relatos dos presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). 14/08/2013. REUTERS/Ueslei Marcelino

Reuters/Reuters - Presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, durante um julgamento no STF, em Brasília. Barbosa, anunciou nesta quinta-feira que deixará o cargo e se aposentará da corte mais alta …mais do país, segundo relatos dos presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). 14/08/2013. REUTERS/Ueslei Marcelino  menos

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, anunciou nesta quinta-feira que deixará o cargo e se aposentará da corte mais alta do país, segundo relatos dos presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN).

"O ministro veio se despedir, ele estará deixando o Supremo Tribunal Federal", disse Renan a jornalistas. "É uma coisa triste, ele vai se aposentar."

Segundo Alves, Barbosa se aposentará "logo agora antes do recesso".

"Ele disse que já vinha amadurecendo esse assunto há alguns meses", disse o presidente da Câmara, acrescentando que Barbosa comunicou a decisão a presidente Dilma Rousseff e que ela tinha ficado "muito surpresa".

Ao deixar o Congresso, Barbosa não comentou com os jornalistas sobre sua aposentadoria, limitando-se a falar "hoje à tarde" e a mostrar sua ansiedade com a Copa do Mundo. "Não vejo a hora de começar a Copa."

Primeiro ministro negro do STF, Barbosa ganhou ainda mais notoriedade por ter sido relator do processo do chamado mensalão, que condenou à prisão vários políticos, entre eles o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu

  • 5 de março – Joaquim Barbosa, chamou de “palhaço” o repórter do jornal O Estado de S. Paulo. O ministro irritou-se ao ser abordado na saída da sessão do Conselho Nacional de Justiça.... mais

    5 de março – Joaquim Barbosa, chamou de “palhaço” o repórter do jornal O Estado de S. Paulo.O ministro irritou-se ao ser abordado na saída da sessão do Conselho Nacional de Justiça. menos

    Estadão Conteúdo

    As frases mais polêmicas de Joaquim Barbosa

    Eleito presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) no final do ano passado, o ministro Joaquim Barbosa se destacou durante o julgamento dos acusados de envolvimento do escândalo do mensalão. Já neste ano, Barbosa vem mostrando seu temperamento forte ao se envolver em polêmicas e acirrar os ânimos entre os Poderes. Relembre algumas das principais frases do parlamentar em 201

    O nome de Barbosa chegou a ser cogitado para uma candidatura à Presidência ou cargo de destaque na eleição deste ano, mas isso não é mais possível por conta da legislação eleitoral, que determina que magistrados que quiserem se candidatar precisam estar filiados a um partido político e têm de deixar o posto que ocupam seis meses antes da eleição marcada para outubro. Portanto, Barbosa teria que ter deixado a Corte em abril.

    O presidente do STF, de 59 anos, também tornou-se notório pelos duros embates com colegas de Corte durante sessões de julgamento, antes mesmo de relatar o processo do mensalão.

    Em 2009, por exemplo, ele discutiu com o ministro Gilmar Mendes e, ao pedir respeito ao colega, chegou a afirmar que não era um dos "capangas" de Mendes.

    Durante o julgamento do mensalão os embates de Barbosa passaram a ser com o ministro revisor do processo, Ricardo Lewandowski, a quem Barbosa chegou a acusar de atuar como advogado de defesa dos réus e de fazer "chicana", buscar atrasar o processo.

    Nomeado para o Supremo em 2003 pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Barbosa assumiu o comando do STF em 2012, em meio ao julgamento do processo do mensalão, esquema de desvio de dinheiro público para compra de apoio parlamentar durante o primeiro mandato de Lula. Procurado, o STF ainda não tinha informações oficiais sobre o assunto.

    Fonte: https://br.noticias.yahoo.com/barbosa-anuncia-ren%C3%BAncia-aposentadoria-stf-160134337.html

    quarta-feira, 28 de maio de 2014

    Fifa vai pagar ao Brasil R$ 16 bi em impostos

     

    Dados do governos desmentem vídeos divulgados pelo comentariosta Jorge Kajuru na internet

    Foto: Reprodução

    Foto: Reprodução

    Em vídeos na internet, o comentarista esportivo Jorge Kajuru tenta convencer que a Copa do Mundo no Brasil é um mau negócio porque o dinheiro público investido não retornará. Ele alega que o País decidiu isentar a Fifa de impostos, ao contrário da África do Sul, Alemanha, Japão e outros países.

    Tudo mentira. O fato é que cada bilhete vendido recolhe impostos, pois o Centro de Ingressos, o Comitê Organizador Local e prestadores de serviços da Fifa são tributados nos termos da legislação nacional.

    A receita fiscal no evento deve chegar a US$ 7,2 bilhões (R$ 16 bilhões), nas contas da Ernst & Young e da Fundação Getulio Vargas – uma soma muito superior ao investimento público nos estádios.

    O Kajuru também erra ao dizer que as obras custaram três vezes mais do que o previsto. O Castelão, em Fortaleza, saiu 17% mais barato. A Arena Corinthians já previa custo de R$ 820 milhões no primeiro orçamento, em 2011. Outras cinco arenas tiveram ajustes baixos: Arena Pernambuco (1%), Arena da Dunas (14%), Arena Fonte Nova (17%); Arena Pantanal e Arena da Amazônia (24%).

    Mineirão, Maracanã, Arena da Baixada e Mané Garrincha tiveram seus orçamentos elevados entre 63% e 88%, por causa de mudanças nos projetos de engenharia. O único orçamento que dobrou foi o do Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), em razão de alterações profundas na planta inicial.

    Movimento na economia – Apenas na construção e reforma dos 12 estádios da Copa do Mundo, calcula a Fundação de Pesquisas Econômicas (Fipe), foram criados 50 mil novos empregos. Um bom negócio, ainda mais em tempos de crise financeira internacional, quando os países competem para manter os postos de trabalho e a atividade econômica. Entre 2010 e 2014, os jogos vão movimentar cerca de R$ 142 bilhões a mais na economia brasileira com a geração de 3,6 milhões de empregos, segundo a FGV e Ernst Young.

    A Fipe calculou que apenas a Copa das Confederações fez o PIB brasileiro aumentar em R$ 9,7 bilhões, com a manutenção de 303 mil empregos. Para a Copa do Mundo, os economistas da USP estimam um aumento de R$ 30 bilhões a mais no PIB.

    Isenção - A Fifa ganhou isenção fiscal na importação de bens, como uniformes, carros e ônibus. Tudo vai permanecer no Brasil, mas não representa risco de mercado para alguma confecção de Joinville ou àquela nova fábrica da Fiat que está sendo montada em Pernambuco – com direito a centro de inovação tecnológica, a partir dos benefícios do programa federal Inovar-Auto.

    A indústria nacional continua segura neste ponto, essas pequenas importações não representam exportação de empregos. Apenas facilitam a contabilidade dos jogos, pois os patrocinadores dão bens e não recursos.

    As emissoras de TV também vão trazer muitas toneladas de equipamentos para garantir que as imagens do torneio brasileiro cheguem ao mundo todo e não vão pagar impostos por isso. O benefício de divulgar o Brasil vale muito mais do que o custo em renúncia fiscal, porque têm um impacto maior do que as campanhas que o governo federal poderia fazer com essa possível arrecadação.

    O Congresso Nacional aprovou a Lei 12.350/2010, que concede isenção de tributos federais à Fifa, num processo normal e democrático. Essas permissões, como facilidades nos vistos de entrada de estrangeiros (turistas e trabalho), são compromissos razoáveis do país-sede para acolher o evento internacional.

    Tanto a Alemanha quanto a África do Sul conferiram benefícios tributários à Fifa. País algum, porém, nem mesmo o Brasil, isentou a Fifa ou qualquer outro parceiro comercial (consultores, etc) de pagar tributos por negócios que não tenham vinculação direta com os jogos.

    Se o leitor quiser comparar as concessões brasileiras às da África do Sul, por exemplo, basta clicar aqui e aqui, com documentos apenas em inglês.

    Bola no campo – Kajuru repete em seus vídeos que o governo brasileiro foi bonzinho com a Fifa porque comprou o resultado final para ajudar na eleição presidencial.

    Neste caso, além de mentir reiteradamente por ingenuidade ou total falta dela, Kajuru comete ilícitos de injúria calúnia e difamação. Como dizia nosso grande craque Garrincha, seria preciso combinar com os suíços (a sede da Fifa fica em Zurique) e também com outras nações pouco poderosas e dispostas a vir com seus hinos nacionais, bandeiras e heróis populares. Gente como os norte-americanos, franceses, japoneses, alemães, enfim, o G 7 e o G 20.

    Da Redação da Agência PT de Notícias

    Artigo de Lula: O mundo se encontra no Brasil

     

    Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

    Por Luiz Inácio Lula da Silva

    Quando era presidente da República, trabalhei intensamente para que a Copa do Mundo de 2014 fosse realizada no Brasil. E não o fiz por razões econômicas ou políticas, mas pelo que o futebol representa para todos os povos e, particularmente, para o povo brasileiro. A nossa população apoiou com entusiasmo a ideia, rejeitando o preconceito elitista dos que dizem que um evento desse porte “é coisa de país rico”, e se esquecem de que o Uruguai, o Chile, o México, a Argentina, a África do Sul e o próprio Brasil já o sediaram com sucesso.

    O futebol é o único esporte realmente universal, praticado e amado em todos os países, por pessoas das mais diferentes classes, etnias, culturas e religiões.

    E talvez nenhum outro país do mundo tenha a sua identidade tão ligada ao futebol quanto o Brasil. Ele não foi  apenas assimilado, mas, de alguma forma, também transfigurado pela ginga  e pela mistura de raças brasileiras. Nos pés de descendentes de africanos ganhou um novo ritmo, beleza e arte. Durante muitos anos, foi um dos poucos espaços, junto com a música popular, em que os negros podiam mostrar o seu talento, enfrentando com alegria libertária a discriminação racial. Não é por outra razão que o futebol e a música são muitas vezes a primeira coisa que um estrangeiro lembra quando se fala do Brasil.

    Para nós, o futebol é mais do que um esporte, é uma paixão nacional, que vai muito além dos clubes profissionais. Milhões de pessoas o praticam, amadoristicamente, no seu dia a dia, nos quintais, nos terrenos baldios, nas praias, nos parques, nas praças públicas, nas ruas da periferia, nos pátios das escolas e das fábricas. Onde houver uma área disponível, por menor que seja, ali se improvisa uma partida de futebol. Se não tem bola de couro, joga-se com bola de plástico, de borracha ou de pano. Em último caso, até com uma latinha vazia.

    Em 1958, na Suécia, uma seleção espetacular encantou o planeta, ganhando nosso primeiro título mundial. Eu tinha doze anos, e juntei um grupo de amigos para ouvirmos a partida final num campinho de várzea com um pequeno rádio de pilha. Nossa fantasia compensava com sobras a falta de imagens, viajando na voz do locutor. Ela nos transportava como num tapete mágico para dentro do Estádio Rasunda de Estocolmo. E ali não éramos apenas espectadores, mas jogávamos… Eu sonhava em ser jogador de futebol, não presidente do Brasil.

    O grande escritor Nelson Rodrigues, nosso maior dramaturgo, disse que com aquela vitória conquistada por gênios da bola como Pelé, Garrincha e Didi o Brasil tinha superado o seu “complexo de vira-lata”. E que complexo  seria esse? “É a inferioridade – dizia ele – em que o brasileiro se coloca, voluntariamente, em face do mundo”. Atrevendo-se a ser campeão, era como se o Brasil estivesse dizendo a si mesmo e aos demais países: “Sim, nós podemos ser tão bons quanto qualquer um”.

    Naquela época, o Brasil estava começando a se industrializar, tinha criado a sua própria empresa de petróleo e o seu banco de desenvolvimento, as classes populares reivindicavam democraticamente melhores condições de vida e maior participação nas decisões do país – mas  os  setores privilegiados diziam que isso era um erro gravíssimo, fruto de “politicagem” ou “esquerdismo”, já que comprovadamente não existia petróleo em nosso território e não tínhamos necessidade alguma de inclusão social e muito menos de uma indústria nacional…

    Alguns chegavam a afirmar que uma nação como a nossa, atrasada, mestiça – de povo “ignorante e preguiçoso”, segundo um estereótipo muito difundido dentro e fora do país – devia conformar-se com o seu destino subalterno, sem ficar alimentando sonhos irrealizáveis de progresso econômico e justiça social.

    Na verdade, não é fácil superar o “complexo de vira-lata”. Fomos colônia por mais de 320 anos, e a pior herança dessa condição é a persistência da mentalidade colonizada de servidão voluntária…

    Entre 1958 e 2010, ganhamos cinco campeonatos mundiais de futebol. Somos até agora a nação com maior número de títulos conquistados. Mas o melhor de tudo é que o saudável atrevimento do povo brasileiro não se limitou ao âmbito esportivo.

    O Brasil que o mundo vai conhecer a partir de 12 de junho é um país muito diferente daquele que sediou a Copa de 1950, quando perdeu na final para o Uruguai. Ainda tem problemas e desafios,  alguns bastante complexos, como qualquer outra nação, mas já não é mais o eterno “país do futuro”. O país de hoje é mais próspero e equitativo do que era há seis décadas. Entre outras razões porque a nossa gente – principalmente a que vive no “andar de baixo” da sociedade” – libertou-se dos  preconceitos elitistas e colonialistas e passou a acreditar em si mesma e nas possibilidades do país. Descobriu que, além de vencer competições mundiais de futebol, podia também vencer a fome, a pobreza, o atraso produtivo e a desigualdade social. Que a mestiçagem, longe de ser um obstáculo – pior: um estigma –  é uma das maiores riquezas do nosso país.

    É esse novo Brasil que vai sediar a Copa. Um país que já é a sétima economia do planeta e que, em pouco mais de dez anos, tirou 36 milhões  de pessoas da miséria e levou 42 milhões para a classe média. É o país com as taxas de desemprego mais baixas da sua história. Que, segundo a OCDE, entre todos os países do mundo, foi um dos que mais aumentou nos últimos anos o investimento em educação. Um país que se orgulha de todas essas conquistas, mas não esconde os seus problemas, e se empenha em resolvê-los.

    Recentemente, a Copa do Mundo tornou-se objeto de feroz luta política e eleitoral no Brasil. Á medida que se aproxima a eleição presidencial de outubro, os ataques ao evento tornam-se cada vez mais sectários e irracionais. As críticas, naturalmente, são parte da vida democrática. Quando feitas com honestidade, ajudam a aperfeiçoar a preparação do país para esse grande acontecimento esportivo. Mas determinados setores parecem desejar o fracasso da Copa, como se disso dependessem as suas chances eleitorais. E não hesitam em disseminar informações falsas que às vezes são reproduzidas pela própria imprensa internacional sem o cuidado de checar a sua veracidade. O país, no entanto, está preparado, dentro e fora de campo, para realizar uma boa Copa do Mundo – e vai fazê-lo.

    A nossa seleção foi a única a participar de as 19 edições da Copa do Mundo e sempre fomos muito bem recebidos nos outros países. Chegou a hora de retribuir com hospitalidade e alegria tipicamente brasileiras. A procura de bilhetes tem sido forte, com pedidos de mais de 200 países. Esta é uma oportunidade extraordinária para milhares de visitantes conhecerem mais profundamente o que o Brasil tem de melhor: o seu povo.

    A importância da Copa do Mundo não é apenas econômica ou comercial. Na verdade, o mundo vai se encontrar no Brasil a convite do futebol. Vai demonstrar novamente que a ideia de uma comunidade internacional pacifica e fraterna não é uma utopia.

    (Luiz Inácio Lula da Silva é ex-presidente do Brasil, que agora trabalha em iniciativas globais com Instituto Lula e pode ser seguido em facebook.com/lula).

    CPI analisará recusa de José Jorge de prestar informações à comissão

     

    Em entrevista coletiva nesta terça-feira (27), o relator da CPI da Petrobras, senador José Pimentel (PT-CE), explicou que a consultoria jurídica do Senado analisará quais os procedimentos deverão ser adotados em relação ao convite feito – e recusado – pelo ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), José Jorge, para prestar informações à comissão.

    O TCU é um órgão de controle externo de auxílio do Congresso Nacional, segundo o artigo 71 da Constituição Federal. Em seu inciso VII, lê-se que o tribunal deverá prestar informações solicitadas pelo Congresso Nacional, por qualquer de suas casas, ou por qualquer das respectivas comissões, sobre fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial e sobre resultados de auditorias e inspeções realizadas.

    José Jorge, ex-senador pelo PFL/DEM de Pernambuco e ex-ministro das Minas e Energia do governo de Fernando Henrique Cardoso, no período de 13 de março de 2001 a 8 de março de 2002, ano do apagão de energia elétrica, do naufrágio da P-36 e da troca de ativos com a Repsol da Argentina, que a CPI do Senado vai investigar, lembrou Pimentel, poderia contribuir para as investigações em torno da aquisição da refinaria de Pasadena pela Petrobras, pois é o relator no Tribunal dos processos sobre o caso no TCU. Além disso, José Jorge integrou o Conselho de Administração da empresa enquanto foi ministro, justamente no período em que o Plano de Negócios para o período de 1999 a 2003 recomendou a compra de refinarias fora do País.

    Fonte: https://br-mg5.mail.yahoo.com/neo/launch?.rand=20adrdqhk7fm5

    Convite para a Reunião Plenária mensal do CSPU/Maio

    Fotomontagem do Centro Brasileiro de Ufologia

    Na próxima sexta feira 30, estaremos mais uma vez reunidos para socializarmos as últimas noticias relacionadas à Ufologia. Depois dos informes abriremos o debate que como tema inicial o caso do aparecimento do Óvni de Fátima em Portugal. Para muitos foi Nossa Senhora e Jesus. Para os Ufólogos, foi um caso ufológico riquíssimo em manifestações.Vejamos: Aparecimentos com datas marcadas, movimentação do Óvni fazendo evoluções, interferência nas condições, fazendo chover e secando as pessoas, lançando pétalas de flores e fazendo barulho e determinado momento e em pleno silêncio em outro. Muitos consideraram que fosse o sol que baixou e isso é uma coisa impossível de acontecer. Quem fará a exposição para conceituar o debate será nosso companheiro Jânder Magalhães, um enfermeiro, professor e ufólogo.

    O local: Sala l da CDL de Sobral, que fica situado na Rua Dr. João do Monte 826, no Centro, Sobral-CE. Ao do SAAE e próximo à Praça do Bosque. A entrada é franca. Mais informações pelo celular: 88 99210172.

    Por Jacinto Pereira 

    Oposição cochila e FHC vira alvo da CPI

     

    27 de maio - 17:24

    Do Brasil 247

    Considerando a CPI da Petrobras instalada no Senado como ‘chapa branca’, os senadores de oposição mantiveram na reunião desta terça-feira 27 a postura de não comparecer à reunião que ouviu, a partir do período da manhã, a presidente da estatal, Graça Foster. E se deram mal com a ausência. Menos por terem perdido a chance de fazer perguntas à executiva, que repetiu o que já dissera nas duas vezes anteriores em que compareceu ao Congresso – e mais porque abriram a guarda para os governistas partirem para o ataque contra a gestão da estatal no período em que Fernando Henrique Cardoso ocupava o Palácio do Planalto (1995-2002).

    A CPI aprovou a requisição de documentos ao STJ do processo que corre em sigilo de Justiça a respeito da troca de ativos entre a Petrobras e a Repsol, em dezembro de 2001. Com isso, o potencial de incômodo para FHC e seus executivos à época é grande. Enquanto a multinacional espanhola, em dezembro de 2001, cedeu à estatal brasileira a refinaria de Bahía Blanca, recebeu em troca participações em duas grandes refinarias brasileiras e mais 750 postos de combustíveis em diferentes cidades do País. Um negócio e tanto para os espanhóis, que pode ter gerado um prejuízo de US$ 2,5 bilhões para a companhia nacional (aqui).

    O ex-presidente FHC e o senador Aécio Neves (Foto: Agência Senado)

    O ex-presidente FHC e o senador Aécio Neves (Foto: Agência Senado)

    Na sessão desta terça, Graça Foster insistiu que a compra da refinaria de Pasadena, pela Petrobras, em 2006, foi um bom negócio “naquele momento”, mas que depois, em razão de mudanças no mercado petrolífero, passou a não ser mais.  Ela apontou falhas no resumo executivo que foi levado à apreciação do Conselho de Administração da companhia, considerando “falho” em aspectos fundametais para a informação dos conselheiros.

    Abaixo, notícia da Agência Brasil a respeito do pedido de documentos sobre os negócios envolvendo a Repsol e o depoimento de Graça Foster:

    CPI da Petrobras quer ter acesso a documento que corre em segredo de Justiça

    Karine Melo-Repórter da Agência Brasil

    A Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga irregularidades na Petrobras aprovou hoje (27) por unanimidade cinco requerimentos. Fazem parte da lista os que pedem acesso à documentação da Operação Lava Jato – que corre sob segredo de Justiça – e as cópias de processos em análise no Superior Tribunal de Justiça (STJ) que tratam da troca de ativos entre a Petrobras e a Repsol YPF, no caso da Refinaria de Bahia Blanca, na Argentina.

    Os senadores também aprovaram a convocação do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa – preso até a semana passada na Operação Lava Jato. Ele é investigado por envolvimento com o doleiro Alberto Youssef, suspeito de comandar um esquema de lavagem de dinheiro que teria movimentado R$ 10 bilhões. Paulo Roberto Costa deixou a carceragem da Polícia Federal, no Paraná, há duas semanas, onde estava preso desde março.

    Com uma reunião esvaziada, na semana passada, esses mesmos requerimentos não foram votados por falta de quórum, por isso, desta vez, o presidente do colegiado, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) mudou a estratégia e garantiu quórum com oito dos 13 titulares no início da reunião.

    Mais uma vez sem a presença de parlamentares da oposição, neste momento, os senadores ouvem a presidenta da Petrobras, Graça Foster. Esta é a terceira vez que a executiva vem ao Congresso e a segunda, ao Senado, explicar denúncias de irregularidades envolvendo a compra da Refinaria de Pasadena, no Texas (EUA).

    Ao falar às comissões de Assuntos Econômicos e de Meio Ambiente, em abril, Graça Foster reconheceu que a aquisição “não foi um bom negócio” e admitiu que a transação resultou em um prejuízo de US$ 530 milhões à estatal.

    Apesar da expectativa de instalação de uma Comissão Parlamentar Mista de Inquérito amanhã (28), Vital do Rêgo e o relator na comissão, José Pimentel (PT-CE), dizem que vão continuar cumprindo o cronograma de trabalho aprovado na primeira reunião do colegiado. Eles confirmaram que vão ouvir nesta quinta-feira (29) o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) José Jorge e o ex-diretor da área Internacional da Petrobras Jorge Luiz Zelada.

    José Jorge é o relator do processo no TCU, que investiga desde março de 2013 supostas irregularidades na compra da Refinaria de Pasadena. Já Jorge Luiz Zelada, ex-diretor da área Internacional da estatal, que deixou o cargo em julho de 2012, é apontado como responsável pelo resumo executivo que recomendou a compra dos 50% restantes da Refinaria de Pasadena.

    Graça Foster volta a apontar falhas de resumo executivo ao depor em CPI

    Sem apresentar novidades, a presidenta da Petrobras, Graça Foster continua sendo ouvida na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado que investiga irregularidades na estatal. Tal como nas outras duas vezes em que esteve no Congresso – uma no Senado e outra na Câmara – a executiva voltou a apontar falhas no resumo executivo apresentado ao Conselho de Administração da estatal na reunião que aprovou a compra de 50% da Refinaria de Pasadena, no Texas (EUA).

    Para Graça Foster, as cláusulas- Marlim e Put Option – que não constavam do resumo executivo tratando da compra da refinaria “são extremamente importantes” para a decisão sobre Pasadena. A primeira assegurava à Astra Oil, que era sócia da Petrobras no negócio, uma rentabilidade mínima de 6,9% ao ano. Já a Put Option, ou opção de venda, obrigava a Petrobras a comprar a participação da Astra em caso de conflito entre os sócios.

    “À luz da situação atual, é fato que hoje não foi um bom negócio”, disse Graça Foster. “No futuro próximo, é possível que haja melhoria [na lucratividade do negócio], mas não seria feito de novo”, afirmou.

    Sobre a Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, Graça Foster reconheceu que a obra está com três anos de atraso. Segundo ela, a projeção de custo da refinaria está em US$18,4 bilhões. “Não seria possível construir Abreu e Lima por US$ 2,4 bilhões”, garantiu.

    O depoimento segue com o quórum esvaziado, com a presença de apenas quatro dos 13 titulares, dos quais nenhum representante da oposição, que abriu mão de participar da comissão exclusiva do Senado para aguardar a instalação de uma CPI mista – composta por deputados e senadores – que consideram mais equilibrada para investigar irregularidades na estatal. A CPMI deve ser instalada amanhã (28).

    Escrito por: Redação

    Fonte: http://www.entrefatos.com.br/2014/05/27/brasil-247-oposicao-cochila-e-fhc-vira-alvo-da-cpi/

    terça-feira, 27 de maio de 2014

    Lula confirma apoio à candidatura de Eunício Oliveira

     

    Anderson Pires
    redacao@cearanews7.com.br]

    Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se reuniu nesta segunda-feira (26) com o senador Eunício Oliveira (PMDB/CE), na casa da ministra da Cultura, Marta Suplicy, em São Paulo.  O último encontro entre os dois foi no dia 19 deste mês, quando, na presença de outros líderes do PMDB, o ex-presidente confirmou que apoiará a candidatura do parlamentar ao Governo do Ceará.
    A declaração de Lula gerou incômodo no Palácio da Abolição, tendo o governador Cid Gomes (PROS) entrado em contato com a própria presidente Dilma Rousseff para pedir explicações. O caso teve grande repercussão e acabou gerando informações desencontradas que desagradaram a todos os envolvidos.
    Pois bem, ontem, Lula voltou a afirmar que estará ao lado de Eunício Oliveira no Ceará. Agora, com o fortalecimento da candidatura do peemedebista, recebendo o aval do principal líder do PT, pode ter chegado a hora do PROS levantar a voz, deixando mais claro qual será sua estratégia de ação dentro da corrida comando do Executivo estadual.

    Fonte: http://www.cearanews7.com.br/ver-noticia.asp?cod=17285

    CEARÁ, TERRA DA LUZ, NO 12º CONGRESSO NACIONAL DA CONAM EM JOÃO PESSOA – PARAÍBA

    clip_image002clip_image004

    Cruz. O Estado do Ceará esteve presente no 12º Congresso Nacional da CONAM – Confederação Nacional das Associações de Moradores – realizado em João Pessoa, Capital do Estado da Paraíba, nos dias 23, 24 e 25 de maio. Contou com uma delegação de 1.172 Delegados presentes dos 26 Estados da Federação e do Distrito Federal. 21 Ônibus, além de outros veículos, transportaram os Delegados, alguns, com até quatro dias de viagens, com dois motoristas que se reservam durante o trajeto.

    clip_image006 clip_image008

    O evento aconteceu no Centro de Convenções de João Pessoa, um prédio imponente, espaçoso, confortável e acolhedor, rodeado de um verde exuberante. As caravanas foram hospedadas em hotéis luxuosos da capital.

    clip_image010clip_image012

    Foi uma oportunidade para conhecer gentes diferentes, com suas culturas e tradições peculiares, falares próprios e trajes exóticos.

    clip_image014clip_image016clip_image018 clip_image020

    Cada gente aproveitou para divulgar sua cultura com vestes, cantos e artesanatos, comidas típicas como, por exemplo, o bolo de queijo de Dona Maria Madalena Santos de Ilha Grande em São Cristóvão, Sergipe, ou o artesanato cearense que muito bem representavam suas tradições materiais e imateriais de cada estado.

    clip_image022 clip_image024

    O Município de Cruz esteve representado, no Congresso, pelo Presidente da Federação das Associações Comunitárias do Município de Cruz Engenheiro Agrônomo Antônio dos Santos de Oliveira Lima, um potiguar da cidade de Augusto Severo (hoje, Campo Grande), mas, residente no Município de Cruz, no Ceará, onde é naturalizado com o Título de Cidadão Cruzense pela Câmara Municipal. Na oportunidade, houve um reencontro com os seus conterrâneos potiguares de Mossoró e Natal.

    clip_image026 clip_image028

    Durante o Congresso, muitos palestrantes se reservaram, na exposição de temas de grande interesse nacional, questões locais ou de interesse do cidadão comum. Reforma política, regularização fundiária, habitação com o foco em Minha Casa Minha Vida, Saúde, desenvolvimento urbano, meio ambiente, cultura, democratização dos meios de comunicação com destaque para as rádios comunitárias. Políticas públicas para a juventude e mulheres, discriminação e preconceito, combate à violência e segurança alimentar, organização das associações comunitárias, como base do desenvolvimento social, foram alguns dos muitos temas em discursão neste Congresso.

    clip_image030 clip_image032

    Foi proveitoso? Diria que sim. Quem participou de todas as temáticas do Congresso, sem dúvida, saiu recheado de um bom conteúdo. A eleição da nova diretoria da CONAM foi outro destaque do Congresso. Todos os estados indicaram e elegeram seus representantes. Portanto, uma composição de chapa única, mas, bem democrática.

    clip_image034 clip_image036

    Cabe a cada Delegado e Delegada cumprir a função social de repassar para as bases este conteúdo e priorizar o processo de fortalecimento do associativismo nos municípios, cuidando da organização das associações e criando as Federações nos municípios onde elas ainda não estão presentes.

    clip_image038 clip_image040 clip_image042

    Após três dias de muita luta e debates, retornamos para os nossos estados, tendo à frente uma longa caminhada, com até quatro dias de viagem, fazendo de seu lar o interior de um meio de transporte, confortável, sim, mas, muito cansativo. Na bagagem, livros, folhetos, manuais, folder, fotos e gravações que testemunham a longa jornada de trabalho em defesa dos direitos sociais comunitários.

    clip_image044 clip_image046

    Em casa, além do reencontro com a família, muitas histórias para contar: curiosidades, momentos vividos, relatos de fatos acontecidos e muitos questionamentos para fazer ou responder. As novas amizades construídas são as testemunhas de um bom relacionamento vivido durante a viagem e o Congresso. O panorama de uma cidade bonita, limpa e acolhedora ficou encravado na memória de cada congressista.

    Dr. Lima

    Vox Populi: Pimentel vence no primeiro turno em Minas Gerais

     

    Ex-prefeito de Belo Horizonte tem mais votos do que todos os adversários somados em quatro cenários diferentes; 38% acham que Pimentel é o nome com maior chance de vitória em outubro

    27/05/2014 - 09h24 / Por Agência PT

    vox-populi-pimentelPesquisa Vox Populi divulgada nesta segunda-feira (26) aponta vitória, em primeiro turno, do pré-candidato do PT ao Governo de Minas Gerais, Fernando Pimentel.

    O ex-prefeito de Belo Horizonte reúne mais intenções de voto do que todos os adversários juntos em quatro cenários eleitorais diferentes.

    No confronto direto com seu principal adversário, Pimentel tem 35% das intenções de voto, enquanto Pimenta da Veiga aparece com apenas 19%. Não votam em ninguém, brancos e nulos somam 20%. Não sabem e não responderam, 26%.

    Em outro cenário, se as eleições fossem hoje, Fernando Pimentel teria 29% das intenções de voto contra 16% de Pimenta da Veiga (PSDB), 2% de  Maria da Consolação Rocha (PSOL), 2% de Vanessa Portugal (PSTU) e 1% de Apolo Heringer (PSB). Não votam em ninguém, brancos e nulos somam 20%. Não sabem e não responderam, 30%.

    No cenário mais provável, com 28% das intenções de voto, Fernando Pimentel também bate todos os adversários. O pré-candidato do PT é seguido por Pimenta da Veiga, com 18%, Maria da Consolação, 2%, Vanessa Portugal, também com 2%, e Julio Delgado, com 1%. Não votam em ninguém, brancos e nulos somam 19%. Não sabem e não responderam, 28%.

    Quando Pimenta da Veiga é substituído por Marcus Pestana como pré-candidato do PSDB, Fernando Pimentel aparece com 33% das intenções de voto, contra apenas 4% de Pestana. Nesse cenário, Maria da Consolação e Vanessa Portugal têm com 3%. Não votam em ninguém, brancos e nulos somam 23%. Não sabem e não responderam, 34%.

    Para 38% dos entrevistados, Fernando Pimentel é o nome com maior chance de vitória nas eleições de outubro. Apenas 15% acreditam Pimenta seja capaz de vencer a disputa para o Governo de Minas Gerais.

    Registrada junto à Justiça Eleitoral, sob os protocolos MG-00025/2014 e BR-00129/2014, no dia 21 de maio de 2014, a pesquisa foi realizada entre os dias 17 e 21 de maio. Foram entrevistadas 2 mil pessoas. A margem de erro é de 2,19 pontos percentuais para mais ou para menos.

    Da Redação da Agência PT de Notícias, com informações do PT-MG

    Presidente do PMDB-MG acusa PSDB de oferecer R$ 20 mi por aliança

     

    Declaração foi feita durante reunião do diretório mineiro do partido

    iG Minas Gerais | RAQUEL GONDIM | 26/05/2014 13:10:15

    Presidente do PMDB em MG acusa PSDB de oferecer R$ 20 milhões por apoio eleitoral: http://bit.ly/1w9dOZcO deputado federal e presidente do PMDB em Minas, Antônio Andrade, acusou nesta segunda-feira (26) o PSDB de tentar comprar o apoio dos peemedebistas nas eleições para o governo do Estado, por R$ 20 milhões. Durante reunião do diretório estadual do partido, Andrade disse que o presidente dos tucanos em Minas, o deputado federal Marcus Pestana, o teria oferecido o montante, além da vaga na briga pelo Senado. Os R$ 20 milhões, segundo ele, seriam usados na campanha de candidatos do PMDB à Câmara dos Deputados e à Assembleia Legislativa.

    Após a reunião, em coletiva de imprensa, Andrade não reafirmou o nome de Pestana, mas confirmou a oferta feita por um “porta-voz” do PSDB. “Eu disse para eles que eu tenho que ajudar nossa bancada, que estou atrás de R$ 20 milhões e eles disseram 'isso não é problema nenhum. Nós conseguimos os R$ 20 milhões para a ajudar os pré-candidatos a deputado'”, afirmou Andrade. Em relação à disputa ao Senado, o presidente do PMDB afirmou que, em caso de acordo, ele seria o candidato da aliança, e não o ex-governador Antônio Anastasia (PSDB).

    Procurado pela reportagem, o presidente do PSDB afirmou que a acusação de Andrade é uma “insanidade”. “Eu não tive nenhuma conversa com ele. Isso é um delírio, uma irresponsabilidade, uma calúnia. Se ele disse que eu falei isso, é um mentiroso. Nunca estive reunido com ele, até porque, sei da posição dele”, disse. “Isso mostra a insegurança e o padrão que a campanha adversária está adotando”, completou. Segundo Pestana, o PSDB estava aguardando uma sinalização de “abertura de diálogo” dos peemedebistas para voltar a discutir uma possível aliança na briga pelo Palácio Tiradentes. O deputado afirmou, ainda, que irá considerar entrar na Justiça contra Andrade.

    Fonte:  http://bit.ly/1w9dOZc