sábado, 29 de dezembro de 2007

Diesel pode subir até R$ 0,02 com adição de biodiesel

O vice-presidente executivo do Sindicato nacional das Empresas Distribuidoras de Combustíveis e de Lubrificantes (Sindicom), Alísio Vaz, disse que a adição de 2% de biodiesel ao diesel comum, que será obrigatória a partir do dia 1º de janeiro, poderá provocar um aumento de R$ 0,01 a R$ 0,02 por litro no preço do diesel pago na bomba pelos consumidores. Atualmente o diesel está custando, em média, R$ 1,80 por litro nos postos. "Nossa avaliação é de que a diferença do preço pode gerar um impacto de R$ 0,01 a R$ 0,02", disse Vaz. Ele ressaltou, entretanto, que o repasse depende da política de cada empresa. "É possível que haja o repasse. Mas a decisão cabe a cada empresa", afirmou. As empresas de distribuidoras de combustível, filiadas à Sindicom detém cerca de 85% do mercado de vendas de diesel no País. Vaz disse que nos leilões de biodiesel, realizados neste mês pela Agência Nacional do Petróleo, o litro do biodiesel foi vendido a R$ 1,90. "Isso representa uma diferença, com impostos, de cerca de R$ 0,50 para o preço do diesel comum", afirmou.
Agência Estado

Nenhum comentário:

Postar um comentário