sábado, 5 de setembro de 2009

Lançada Operação Independência

A Operação Independência foi lançada às 16 horas de ontem no quilômetro 12 da CE-040 e visa evitar excessos que possam pôr em risco o trânsito nas rodovias estaduais e federais cearenses durante o feriadão do Dia 7 de Setembro. A operação é uma ação conjunta da Polícia Federal Rodoviária do Ceará, Departamento Estadual do Trânsito (Detran) e Companhia de Policiamento Rodoviário (CPRV).
Este ano, a preocupação maior da Polícia Rodoviária Federal é reduzir ao máximo o uso de bebidas alcoólicas por parte dos condutores de veículos e evitar também o excesso de velocidade nas rodovias federais ou outros tipos de ações de contribuem para a negligência e a imprudência que, via de regra, costumam aumentar os registros de acidentes nesses período de fluxo intenso nas estradas, explicou a assessoria de imprensa da PRF.
A corporação, desde ontem, espalhou 80 viaturas e reforçou o policiamento em diversos trechos das rodovias federais. Um total de 400 policiais rodoviários atuarão na operação, que incluirá ainda a utilização de 37 bafômetros, dos quais 20 foram adquiridos nos últimos dias dessa semana. Em períodos normais, a Polícia Rodoviária dispõe de cerca 150 a 200 homens e de 40 viaturas.
Com mais do dobre de seu pessoal em campo, para a PRF a Operação Independência se estenderá até o início da manhã da terça-feira, dia 8, quando termina o fluxo de passageiros no retorno para a Capital.
Já os homens do Detran vão trabalhar de hoje até as 22 horas da próxima segunda-feira para orientar o trânsito em Fortaleza e nas estradas litorâneas e para sertão. Conforme a assessoria de imprensa, além de fiscalizar a documentação do motorista e dos veículos, as blitze do órgão buscarão esclarecer e evitar o tráfego de carros e quadriciclos em áreas praianas exclusivas aos banhistas.
No total, neste período 130 homens do órgão estadual de trânsito farão uso de 64 bafômetros para verificar se os condutores ingeriram bebida fora do limite determinado pela Lei de Alcoolemia Zero, que ficou conhecida como Lei Seca.
Já a Companhia de Policiamento Rodoviário (CPRV) utilizará 3.000 homens na Operação, que trabalharão em parceria com o Detran, tanto em blitze fixas como em equipes itinerantes tantos nas praias da região leste e oeste do Estado do Ceará. Também fiscalizarão o uso de capacete. (DN).

Por Wilson Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário