segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Reunido em Sobral, PT prega cautela sobre candidatura

O município de Sobral, reduto político do governador Cid Gomes (PSB), sediou, no último sábado, um encontro da militância do PT no Ceará, em momento particular de reflexão e indefinição da sigla. No centro das discussões, a possibilidade de o PT ter candidatura própria ao Governo do Estado, conforme já pregavam algumas correntes da legenda.

As divergências em torno do tema vieram à tona, principalmente, durante a fala da prefeita Luizianne Lins, pivô da reviravolta que o partido deu nas últimas semanas. Embora tenha dito, em entrevista ao O POVO, que já cogita a possibilidade de enfrentar Cid nas eleições do ano que vem, Luizianne teria sido mais cautelosa durante o encontro de sábado, tentando adiar a discussão sobre o tema para o próximo ano.

Conforme relatou o deputado federal José Airton Cirilo, a prefeita alegou que não adianta tocar no assunto neste momento, mas apenas quando o cenário político nacional estiver definido. O lançamento da candidatura de Ciro Gomes (PSB) à Presidência da República será definidor, já que, se confirmada, forçará o governador a deixar o palanque do PT & protagonizado pela ministra Dilma Rousseff (PT).

O discurso de Luizianne gerou outras interpretações. De acordo com um dos petistas que defendem a tese da candidatura própria, Eudes Baima, a prefeita teria dado a entender que, caso Cid topasse manter-se no palanque de Dilma, o PT poderia abrir mão de enfrentá-lo. (O Povo).

Por Wilson Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário