sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Acidente de avião mata 56 pessoas na Turquia

Cinqüenta e seis pessoas morreram nesta sexta-feira na Turquia na queda de um avião da companhia aérea Atlasjet no momento do pouso na província de Isparta (sudoeste do país), anunciou uma fonte da empresa.

"Não há sobreviventes, nem entre os passageiros, nem entre a tripulação", explicou Tuncay Doganer, diretor executivo da companhia aérea de baixo custo Atlasjet em uma entrevista coletiva.

Dogarner disse que um helicóptero de resgate que pousou ao lado da fuselagem do avião em uma zona montanhosa não encontrou sinais de vida.

O avião do tipo MacDonnell Douglas 82 desapareceu da tela do radar às 01H36 (21H26 de Brasília, quinta-feira), pouco depois do piloto ter comunicado que iniciara os procedimentos para pousar no aeroporto de Isparta.

O avião decolou de Istambul às 00H51 com 49 passageiros e sete tripulantes - dois pilotos, quatro aeromoças e um técnico.

Doganer disse ainda que as condições meteorológicas eram boas para a aterrissagem.

"Não havia chuva, neve ou tempestades no local de destino do avião. Não havia problemas técnicos no avião. O piloto mantinha a comunicação com a torre de controle até que desapareceu", acrescentou, antes de ressaltar que os pilotos eram experientes.

"É possível apresentar milhares de hipóteses sobre o que aconteceu", disse.

O ministério dos Transportes divulgou um comunicado no qual afirma que a fuselagem do avião foi encontrada por helicópteros de resgate em uma montanha de 1.830 metros de altura perto da cidade de Cukuroren, a 12 quilômetros do aeroporto.

Uma equipe de especialistas foi enviada ao local do acidente, segundo o ministério, que espera esclarecer as causas do acidente após ouvir as caixas-pretas.

AFP

Nenhum comentário:

Postar um comentário