sexta-feira, 28 de setembro de 2007

Cid se desculpa em nome da PM e pede ao Ministério Público que entre no caso

O governador Cid Gomes (PSB), acompanhado do secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, Roberto Monteiro, visitou, nesta quinta-feira, Denise Campos, mulher do italiano Inocenzo Brancati, que é amigo do espanhol Marcelo Ruiz, atingido por um tiro em operação desastrosa da PM. Ruiz, que chegava para visitar amigos cearenses, ficará paraplégico. O caso ocorreu na noite da última quarta-feira à noite, na Avenida Alberto Craveiro, durante perseguição da polícia a assaltantes que roubaram um caixa eletrônico da sede da Emlurb. Policiais confundiram os carros e metralharam a Hilux onde estavam Marcelo Ruiz e amigos.

Cid Gomes pediu desculpas em nome do Estado e ouviu a versão da família. Prometeu providências enérgicas para resolver o caso. Dois delegados cuidarão do inquérito e 10 PMs foram afastado e se submeterão a exames psicológicos, entre as primeiras providências adotadas.

Na manhã desta sexta-feira, participando de audiência pública da Comissão Especial Mista de Impactos Climáticos do Congresso, na Assembléia Legislativa, o governador pediu desculpas públicas também ao Embaixador da Espanha e disse ter pedido ao Ministério Público que também acompanhe a apuração do episódio.

O POVO

Nenhum comentário:

Postar um comentário