domingo, 10 de março de 2013

SEM PODER VIAJAR, DIRCEU VÊ "VIOLAÇÃO DE DIREITOS"

 

"Com a decisão monocrática do presidente do Supremo Tribunal Federal, estou impedido de viajar à Venezuela para me despedir do presidente Hugo Chávez, uma violação flagrante de meus direitos constitucionais, já que não há trânsito em julgado de minha condenação e estou no exercício de todos os direitos e garantias individuais, como todo cidadão brasileiro", escreveu o ex-ministro José Dirceu em seu blog; ele disse que, impedido de viajar, se despede de Chávez à distância, do Brasil.

Postado por Sobral de Prima

Nenhum comentário:

Postar um comentário