quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Governador: nossa Polícia não está desmoralizada

Apesar dos recentes fatos que retratam a ousadia e falta de respeito dos marginais cearenses perante a Segurança Pública, o governador Cid Gomes disse ontem que não considera que as polícias Militar e Civil estejam desmoralizadas. "Não acho que Policia esta sendo desmoralizada. Acredito até que a insistência na exibição de algumas ações pode até estimular os Marginais", opinou.

Respondendo a uma sabatina dos deputados na Assembleia Legislativa o governador disse que "esse tipo de problema acontece sempre, até porque os policiais são pessoas e podem falhar. Temos um contingente de 15 mil policiais. Não enxergo um ou outro caso como uma desmoralização geral".

Somente neste ano, bandidos já executaram dois policiais, assaltaram seis, levando as armas e, por último, picharam muro e viatura de um Distrito Policial. Na manhã do dia 25, quatro policiais do Ronda do Quarteirão foram assaltados por dois indivíduos disfarçados de mendigos, numa praça do Conjunto Polar, na Barra do Ceará. Dois dias depois, o coronel Antônio Barbosa Soares foi atacado e assaltado por dois bandidos armados, na porta de sua casa, na Cidade dos Funcionários. No dia 28, o policial Antônio Sidney Barreto foi fuzilado em Caucaia. Menos de 48 horas depois, o militar Pedro Basílio dos Santos foi morto em Brejo Santo. Na noite do dia seguinte, vândalos picharam o muro e uma viatura Hilux do 32º DB, no Bom Jardim. (DN).

Nenhum comentário:

Postar um comentário