quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Médico é internado após beber cachaça artesanal

Uma cachaça de fabricação artesanal e origem duvidosa levou o médico de Acopiara Francisco Vilmar Félix Martins, 56, a ser internado na madrugada de ontem, no Hospital da Unimed, em Fortaleza. A bebida já havia feito outras duas vítimas no município, há cerca de 15 dias. O médico, candidato a prefeito de Acopiara nas últimas eleições e que já foi vice-prefeito, passa bem e tem previsão de alta para hoje ou amanhã.

Há duas semanas, Vilmar Félix soube do caso das duas pessoas que teriam se sentido mal após tomar a cachaça. ``Um amigo comum meu e deles me procurou, dizendo que me entregaria uma porção da cachaça pra eu mandar fazer uma análise``, recorda. Na segunda-feira, o amigo lhe entregou a ``encomenda``. ``Veio numa garrafinha tipo -celular- e eu pus dentro da pasta, mas não lembrei mais da história dele (de que a cachaça fazia mal)``, conta.

Ao chegar em casa, na hora do jantar, acabou tomando cerca de 20 mililitros da bebida. ``Quando bebi, até disse: -Que cachaça ruim, passou rasgando tudo aqui-. Aquilo devia ter metanol diluído em cachaça ou em água``, acredita. Depois de um tempo, Félix começou a se sentir mal. ``Comecei a suar a camisa, foi uma loucura. Teve um momento que eu não mexia mais os braços nem as pernas``, lembra. (O Povo).

Por Wilson Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário