quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Informações desencontradas deixam os alunos da UVA e das outras universidades estaduais sem saber quando as aulas irão recomeçar

Em Assembléia Geral realizada pela Sessão Sindical dos Professores da UVA (SINDIUVA), no dia 16/01/2007, no Auditório Central, no campus da Betânia, em Sobral, com 51% de aprovação dos 138 professores presentes, foi decidido que o reinício das aulas seria no dia 28 de janeiro de 2007. A comunicação seria feita feita no dia 22 de janeiro ao Governo do Estado.

Mas o ontem, dia 22/01/2207, em Ato Público em frente ao Palácio Iracema, sede do Governo do Estado, segundo informações do professor Célio Coutinho, presidente do Sinduece (Sindicato dos Docentes da Universidade Estadual do Ceará), os professores "tentaram audiência com o Governador, mas de maneira alguma nós fomos recebidos pelo gabinete do governador, nem pelo chefe de gabinete, nem pelo secretário...".

Já a secretária de Planejamento e Gestão do Estado, Silvana Parente, disse que não sabe o que está emperrando a decisão da categoria de voltar ao trabalho. Nós estamos propondo 100% de aumento em 3 anos e eles também querem este reajuste. Acho importante que os professores voltem ao trabalho para não causar tanto prejuízo à comunidade acadêmica”. Mas os professores "querem aumento de 100 % em 3 anos, descontada a inflação.Os grevistas também desejam que o governo melhore a estrutura das universidades e implante o piso salarial da categoria."

Nenhum comentário:

Postar um comentário