domingo, 21 de outubro de 2012

GRUPO MUSICAL DA PASTORAL FAMILIAR DO MARCO FEZ APRESENTAÇÃO NO PREÁ.

 

clip_image002

Cruz. Dia 20, a Comunidade Católica da Praia do Preá teve uma noite animada ao receber uma equipe da Pastoral Familiar do Marco, que fez uma apresentação musical e palestra no Pátio da Igreja de São Pedro. O Grupo Musical PHN (por hoje não pecar) fez a animação do encontro com apresentação de vários números musicais que agradou muito aos participantes. Josivelton no teclado e Tainara no Violão. Vocalistas: Marquinhos, Romildo e Isnael. O grupo existe há dez anos e tem como missão evangelizar através da musica. Participaram do encontro representantes das comunidades católicas de São Paulo de Cavalo Bravo, São Francisco da Vila de Caiçara e de São Pedro da Comunidade de Preá.

Houve uma palestra proferida pelo coordenador da Pastoral Familiar Antônio Olavo que abordou o tema Matrimônio. Afirmou que o nosso modelo de família tradicional e bíblica tem sido destruída em nome da modernidade. A televisão, as drogas, a prostituição e a exploração sexual de adolescentes têm contribuído para que a família passe por momentos de crise, pois sem a presença de Deus na família é impossível um casal viver feliz. Os filhos estão sendo educados sem a presença da família e aprendendo o que o mundo ensina. Família que não vive em comunhão com Deus não poder viver o seu Reino prometido. A equipe missionária era formada por doze pessoas e foram recepcionadas pelo Ministro da Eucaristia Manoel Ferreira e Luciene. Os agradecimentos foram feitos pelo Ministro da Eucaristia José de Fátima a todos os integrantes do grupo missionário da cidade de Marco, que tem como Pároco Mons. Romulo. Os participantes assistiram atentamente ao que o palestrante nos ensinou. Após a apresentação foi oferecido um lanche para todos os participantes.

clip_image004

Quando as missas eram celebradas em Latim, o pároco morava distante das pessoas, o povo era analfabeto e não se dispunha de meios modernos de evangelizar como, por exemplo, livros, vídeos, jornais, revistas, televisão, internet, rádio, cursos presenciais e a distância o povo era mais temente a Deus. Mas, hoje, é diferente, com todos estes instrumentos de evangelização, o povo voltou-se para as coisas do mundo, houve proliferação de seitas por todos os lugares, pois se funda uma igreja como quem abre uma bodega. O conceito de família mudou e o resultado disto são filhos que vivem sem a companhia dos pais, outros que nem os conhecem, crianças sendo adotada por “casais” do mesmo sexo, casa e separa virou rotina e dizem que isto é coisa da modernidade. O matrimonio cristão tem sua característica básica de ser casamento monogâmico e indissolúvel. Em sua coluna EM DIA COM A IGREJA, jornal Correio da Semana, nº 493, de 06 a 13 de outubro de 2012, Padre Valdery da Rocha, Pároco de Cruz-CE, trata desta questão enfocando os “Casais de Segunda União”. Uma situação que segundo João Paulo II “esse problema deve ser enfrentado com urgência inadiável”.

Dr. Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário