terça-feira, 9 de outubro de 2012

Eleições 2012: PT cresce, é campeão de votos e vence em 624 prefeituras

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Partido dos Trabalhadores é o partido com melhor desempenho nas eleições de 2012. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o PT ultrapassou o PMDB, em número total de votos, tornando-se a legenda mais votada para prefeito no País, com 17,3 milhões de votos, um aumento de 4% em relação às eleições de 2008. Um balanço feito pela Secretaria Nacional de Organização (Sorg) do PT mostra o expressivo avanço do partido.

Até o momento, o PT conquistou um total de 624 prefeituras, consolidando a trajetória de crescimento constante desde 1982, quando disputou as eleições municipais pela primeira vez. O aumento de número de prefeituras sob comando petista foi de 12% -- em 2008, foram eleitos 558 prefeitos.

Há ainda 22 candidatos petistas que irão disputar o segundo turno em capitais e cidades com mais de 200 mil eleitores. O partido ganhou 13 prefeituras no universo que compreende as cidades com mais de 150 mil eleitores.

Segundo o levantamento da Sorg, mais da metade dos prefeitos eleitos em 2008 que concorriam à reeleição conseguiram um novo mandato. O PT reelegeu 154 dos 285 atuais prefeitos, ou seja 54% do total.

O PT dobrou o número de prefeituras no estado do Ceará, e Minas Gerais continua como o estado com o maior número de prefeituras, com 114 prefeitos petistas eleitos. E, na Bahia, o PT passou de 66 para 92 prefeituras.

Na avaliação do líder da bancada do PT na Câmara, deputado Jilmar Tatto (SP), a eleição deste ano confirma a popularidade do Partido dos Trabalhadores. “O PT tem capilaridade e conta cada vez mais com a confiança do povo brasileiro. A população percebe no dia a dia os avanços que o governo do PT e aliados tem garantido ao País desde 2003. O nosso governo colocou o Brasil no rumo certo, com políticas de crescimento com justiça social, em defesa dos que mais precisam”, afirmou Tatto.

Segundo apuração realizada pelo TSE até o momento, o PT elegeu 5.107 vereadores. Ou seja, elegeu 1.901 vereadores a mais em relação às eleições de 2008. Mais números para dimensionar a importância do desempenho do PT: De 83 municípios com mais de 200 mil eleitores, em 33 o partido liquidou a fatura no primeiro turno. O PT venceu em oito como cabeça de chapa (fora outros casos em que se coligou). Nas outras 50 cidades, o PT disputa em 22 como cabeça de chapa.

Apesar de amplo uso da imprensa conservadora para enfraquecer o PT e aliados, em função da Ação Penal 470 (o chamado “mensalão”), os partidos da base governista no campo federal conquistaram ampla maioria dos votos e das cidades. Os números mostram que quem saiu menor do processo eleitoral foram o PSDB e o DEM, justamente os que tentam explorar e distorcer os fatos relacionados ao que chamam de “mensalão”, com a ajuda de setores conservadores da mídia.

Da Liderança do PT na Câmara

Nenhum comentário:

Postar um comentário