domingo, 23 de fevereiro de 2014

Vice prefeita de Tianguá e empresário são presos em Operação da PF

 

O Juiz Federal da 18ª Vara Federal de Sobral, Adonias Ribeiro de Carvalho Neto determinou, a pedido do Departamento da Polícia Federal do Ceará, a prisão de Vanderlei Lima Aguiar, conhecido como “Vanderlei Fofoca”, bem como de sua esposa, Hozana Aragão Cavalcante, atual vice-Prefeita do Município de Tianguá e mais duas pessoas acusadas de serem “laranjas” de suas empresas: Francisco Marcelo Carvalho e Bruno Vieira de Lima. A acusação diz respeito à formação de quadrilha, desvio de verbas públicas, fraude em licitações, sonegação fiscal e lavagem de dinheiro em vários municípios do Ceará.

Segundo o relatório da Policia Federal, “Vanderlei Fofoca” utilizava inúmeras empresas de fachada para movimentar milhões de reais em verbas públicas, sendo que as mesmas se encontravam inativas nas declarações de imposto de renda perante à Receita Federal. A CGU em parceria com a Polícia Federal teria constatado que as empresas: Construtora Cajuaçu, Cariri, Frei Damião, Santo Expedido e Ana Virgínia teriam movimentado mais de R$ 26 milhões de reais em verbas públicas nos municípios de Irauçuba, Cruz, Martinópole e Granja entre os anos de 2005 e 2008.

A decisão do Juiz Federal ainda determinava que fossem efetuadas buscas e apreensões nos municípios já mencionados nas sedes das Prefeituras Municipais de Chaval, Uruoca, Guaraciaba do Norte e Cruz, onde porventura apareçam como envolvidas as empresas de Vanderlei Fofoca, bem como as empresas: Monteiro Construções, de propriedade do empresário de Parazinho Ronaldo Monteiro, Construrápido Ltda, Ximenes Construções e Tri-Clima Construtora. Foi quebrado também o sigilo fiscal e telefônico dos acusados. Os mandados de prisão foram cumpridos na manhã desta quinta-feira (20).

Fonte: Camocim Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário