sexta-feira, 30 de abril de 2010

Ciro Gomes se licencia da Câmara por 30 dias

O deputado Ciro Gomes (PSB-CE) se licenciou nesta quinta-feira, 29, do mandato parlamentar pelo prazo de 30 dias. No documento encaminhado ao presidente da Casa, o deputado alega motivos pessoais para o afastamento e pede que a licença seja sem remuneração.

O suplente de Ciro não será convocado. A convocação de suplente só se dá quando o parlamentar se licencia por 120 dias ou mais. O parlamentar deverá reassumir o seu mandato no dia 28 de maio.

A assessoria de imprensa do parlamentar não informou o que ele pretende fazer durante sua ausência.

Os integrantes do PSB já esperavam o pedido de licença. A expectativa é que após esse período de reclusão Ciro se dedique às campanhas do partido no estado. Há expectativa também se ele suba no palanque da ministra Dilma Rousseff (PT).

O deputado havia se lançado pré-candidato à Presidência da República, mas teve a sua pré-candidatura negada pelo seu partido nesta semana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário