terça-feira, 13 de agosto de 2013

O FACEBOOK E OS LIVROS

 

Por Luiz Carlos Amorim - Escritor - Http://luizcarlosamorim.blogspot.com.br

Recentemente uma amiga e professora de dança de salão colocou um post no Face dizendo que queria ler bons livros e perguntou se alguém poderia ajudá-la. Pois ela teve mais de vinte e cinco comentários e algumas pessoas se ofereceram para emprestar livros a ela. Eu já levei quatro: dois emprestados e dois livros de minha lavra, de presente.
Achei a ideia fantástica e disse isso a ela, quando lhe entreguei os livros. Por que não usar uma ferramenta com a qual podemos nos comunicar com um número enorme de pessoas ao mesmo tempo? Comunicação é isso: poder fazer um pedido e ter a possibilidade de ser atendido de imediato.
O Facebook não é a oitava maravilha do mundo, tem muita gente entupindo-o com besteiras, mas também aparecem coisas muito boas. Como essa ideia, de conseguir livros para ler sem ter que ir à livraria comprar sem saber exatamente o que. Todos temos livros em casa e se pudermos oferecer em empréstimo, as pessoas que os tomarão poderão escolher e nós também poderemos ter títulos que não lemos ainda, em contrapartida. Não é uma boa troca?
Qualquer ferramenta pode ser boa ou ruim, depende de como a usamos, depende do quanto sabemos ou não usá-la. Até poesia interativa se faz no Face. Não é interessante?
Que se divulgue a boa ideia e que se faça a troca de muitos livros através do Face, através de outros programas de relacionamento, e que saibamos sempre devolver para que possamos pegar mais e novos títulos em empréstimos.
Um internauta invocou "mais leitura e menos Face" e eu até concordei com ele, precisamos ler mais mesmo. Mas temos que reconhecer que o Face pode ser o instrumento para conseguirmos mais leitura. Seja na troca de livros impressos, seja na troca de arquivos de livros eletrônicos ou audiolivros ou seja um simples arquivo de texto.
O negócio é adquirir o hábito da leitura. Leitura é entretenimento, é conhecimento, é magia e encantamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário