quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Aprovação do governo Dilma cresce e chega a 62%, líder do PT comemora resultado

 

O governo da presidenta Dilma Rousseff é bom ou ótimo para 62% dos brasileiros – o que representa um crescimento de três pontos percentuais na avaliação positiva do governo petista com relação à pesquisa de junho passado (59%). A informação é da pesquisa CNI/Ibope, divulgada ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O levantamento revelou ainda que o percentual de brasileiros que confiam na presidenta chega a 73%.

A pesquisa também acusou uma queda da avaliação negativa do governo. O índice dos que consideram o governo “regular” passou de 32% para 29%. O percentual dos que classificam o governo como “ruim” ou “péssimo” caiu de 8% para 7%. Dos entrevistados, 1% não soube responder sobre a gestão.
“Esse resultado, mais uma vez, é a prova de que o governo da presidenta Dilma Rousseff está no rumo certo”, avalia o líder da Bancada do PT na Câmara, deputado Jilmar Tatto (SP). Para o petista, a presidenta dá continuidade ao bem sucedido projeto político iniciado pelo ex-presidente Lula.

“É um reforço de todo o investimento social, de toda a preocupação em controlar a inflação, de todo o esforço de promover o crescimento do País distribuindo renda”, argumenta o líder.

As áreas de atuação do governo que receberam maior aprovação foram o combate à fome e à pobreza (60%), combate ao desemprego (57%) e meio ambiente (54%). A aprovação da política para educação do governo subiu três pontos percentuais em relação a junho, de 44% para 47%. Outra área na qual a aprovação cresceu foi o combate à inflação, com elevação de 46% para 50% no período. A aprovação com relação às políticas de juros manteve-se inalterada, no patamar de 49%.

Outro dado importante é o crescimento da avaliação positiva do governo entre os brasileiros jovens de 25 a 29 anos. Nesse faixa etária, a avaliação do governo Dilma subiu 13 pontos percentuais. A região do País que registrou maior crescimento foi o Sul, com alta de nove pontos percentuais. O Nordeste continua sendo a região com o maior índice dos que aprovam o governo: 68%.

Entre as notícias mais lembradas no mês, está o anúncio da redução de até 28% nas tarifas de energia elétrica, lembrado por 11% dos participantes. Um total de 57% dos entrevistados consideram o governo Dilma igual ao governo Lula, e 62% têm expectativa de que o restante da gestão da presidenta será ótimo ou bom.

A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Entre 17 e 21 de setembro, o Ibope ouviu 2.002 eleitores com 16 anos ou mais em 143 municípios.

www.ptnacamara.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário