sexta-feira, 27 de março de 2020

Vera Magalhães: Bolsonaro resolveu fazer guerra política às custas de vidas humanas


A jornalista Vera Magalhães repercutiu os absurdos ditos por Jair Bolsonaro nesta sexta-feira em entrevista ao apresentador Datena. Bolsonaro duvidou do número de mortos por coronavírus em São Paulo, Estados Unidos e outros municípios brasileiros

27 de março de 2020, 16:57 h Atualizado em 27 de março de 2020, 17:0

Jair Bolsonaro e Vera Magalhães Jair Bolsonaro e Vera Magalhães (Foto: Marcos Corrêa/PR | Reprodução)

 

247 - A jornalista Vera Magalhães publicou uma sequência de tweets repercutindo as falas absurdas de Jair Bolsonaro em entrevista ao apresentador Datena, nesta sexta-feira (27).

Bolsonaro disse que não acredita no número de mortos por coronavírus em São Paulo, acusou municípios de inflarem o número de mortos pela doença e duvidou também dos óbitos nos Estados Unidos.

"O presidente resolveu fazer uma guerra política à custa de vidas humanas. Duvidar dos números é insanidade. O que ele espera colher? Mais impopularidade no maior Estado do País? É como se Donald Trump dissesse que o governador e o prefeito de Nova York inflavam os casos de Covid-19, ou o primeiro-ministro da Itália acusasse a Lombardia de fazer o mesmo. É ilógico, desumano, e não haveria ganho político algum nisso", escreveu Vera.

"O presidente da República é um desinformante que age contra os esforços nacionais para conter a pandemia. Precisa, ele sim, ser contido", complementou.

Vera também ironizou a ausência de provas que justifiquem a afirmação de Bolsonaro sobre fraude na eleição de 2018. "A propósito: onde estão as provas da fraude eleitoral que o presidente  disse que tinha e apresentaria? Devem ser as mesmas que tem para acusar estados e municípios de inflarem números de pandemia. Irresponsabilidade sem limites e sem cobrança à altura das instituições".

Fonte: https://www.brasil247.com/midia/vera-magalhaes-bolsonaro-resolveu-fazer-guerra-politica-as-custas-de-vidas-humanas

Nenhum comentário:

Postar um comentário