segunda-feira, 16 de março de 2020

Cantanhêde: 'há tempos o Brasil não assiste um gesto de tal irresponsabilidade'


De acordo com a jornalista Eliane Cantanhêde, "em nova versão da 'fantasia', Jair Bolsonaro passou população a seguinte mensagem: danem-se o Ministério da Saúde, os especialistas, os médicos!"

16 de março de 2020, 06:29 h Atualizado em 16 de março de 2020, 07:40

(Foto: Dir.: em cima (Twitter) / embaixo (Carolina Antunes - PR))

247 - Em sua coluna publicada no jornal O Estado de S.Paulo, a jornalista Eliane Cantanhêde afirma que "há tempos o Brasil não assiste, à luz do sol, a um gesto de tal irresponsabilidade quanto o do presidente da República jogando para o alto as recomendações de saúde e se encontrando com manifestantes em frente ao Planalto. Em nova versão da 'fantasia', Jair Bolsonaro passou população a seguinte mensagem: danem-se o Ministério da Saúde, os especialistas, os médicos!".

"Entre o correto e o conveniente politicamente, Bolsonaro optou pela conveniência política, o que se torna ainda mais irresponsável quando a epidemia está só começando no País e, ao lado dele, estava o diretor substituto da própria Anvisa. Chocante", disse.

"Assim como dá de ombros e vai em sentido oposto aos apelos do ministro da Economia pelas reformas, Bolsonaro não dá bola para as recomendações do ministro da Saúde para reduzir o risco de contaminação e evitar mortes. Não entende o tamanho da sua responsabilidade, a importância do seu exemplo", complementa.

Fonte: https://www.brasil247.com/midia/cantanhede-ha-tempos-o-brasil-nao-assiste-um-gesto-de-tal-irresponsabilidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário