terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Superintendente do Ceará remove todos os integrantes da CIOP para a 1ª Delegacia!

Data: 25.01.2011 46 visualizações

SINDPRF-CE - 25 de janeiro de 2011

Superintendente do Ceará remove todos os integrantes da CIOP para a 1ª Delegacia!

Policiais lotados na CIOP/16 foram estranhamente removidos da sede para a 1ª Delegacia, mediante Portaria nº21 de 24 de janeiro de 2011, mesmo após treinamento realizado no CTNE em setembro e outubro de 2010, onde quatro PRF´s, lotados na CIOP/16, participaram do referido treinamento.

Ressaltamos que a presidente do SINDPRF-CE e dois diretores são lotados na CIOP/16, e tal fato, mais uma vez, assemelha-se ao ocorrido com o presidente do SINPRF/RN, quando este foi removido sem justificativa plausível para a atividade-fim, apesar de problemas de saúde, de conhecimento do superintendente do referido Estado, fato este rechaçado pela justiça federal daquele Estado.

O esfacelamento da CIOP da PRF no Ceará representa grande prejuízo e não há fato semelhante em nenhum outro Estado do Brasil. Situações como consulta a veículos e indivíduos e comunicação de acidentes ficarão prejudicados, visto que houve remoção de servidores administrativos que não são policiais e não terão acesso aos sistemas privativos aos policiais. O mais absurdo e curioso é que lotaram na CIOP três telefonistas e um auxiliar de serviços gerais, removendo servidores que foram treinados para a atividade.

A mudança repentina coincide com o início da luta em prol de mudanças na Direção-Geral e Superintendência local. Tal fato desgasta a já debilitada administração da 16ªSRPRF/CE, que conta com 89,29% de reprovação junto ao efetivo, enquanto a Direção-Geral, segundo pesquisa ainda em andamento, conta com a reprovação de 96,55% no Estado do Ceará.

É lamentável que a administração da Polícia Rodoviária Federal no Estado do Ceará não esteja pautando suas decisões nos princípios administrativos constitucionais de eficiência, impessoalidade, visto que tais policiais estão longe da atividade-fim há anos, sem receber treinamento ou material básico para o desempenho das funções.

As medidas jurídicas já estão sendo tomadas para resguardar a integridade do serviço, evitar que tais colegas sejam prejudicados com esta ação descabida e evitar o desvio de função na alocação dos servidores administrativos em funções privativas dos Policiais Rodoviários Federais.

A Diretoria

--

Luzia Dantas

Contato: 85 87870220

luziadantas@hotmail.com

sindprfce@sindprfce.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário