sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

BALEIA BICUDA ENCALHA NA PRAIA DO PREÁ



Cruz/CE. Uma Baleia Bicuda, de cor preta, adulta, foi encontrada por pescadores, na manhã de hoje, quinta-feira, 27, encalhada na Praia do Preá, na divisa com o Parque Nacional de Jericoacoara, Litoral Oeste do Estado do Ceará, distante 300 km de Fortaleza. A baleia já estava morte e ficou na praia sob a guarda da CPMA, polícia que atua no Parque Nacional de Jericoacoara, até a chegada da equipe técnica da AQUASIS, instituição responsável pelo atendimento a encalhe de mamíferos marinhos no Ceará, com sede em Caucaia. A equipe da AQUASIS foi avisada por Fabio Lima, Presidente do DAMA – Departamento de Apoio ao Meio Ambiente. Após a chegada da equipe foi feita uma análise preliminar da Baleia pelos técnicos da AQUASIS, que fez vários cortes no animal e foi constatado que se tratava de uma fêmea e que a mesma se encontrava em estado de gestação. Também foi encontrada uma tampa de garrafa de bebida localizada no retro do animal. A cabeça e outras partes da Baleia foram levadas para análise no Laboratório da AQUASIS em Caucaia. A equipe técnica da AQUASIS era composta pela Bióloga Caterine, o Veterinário Vitor, a Bióloga Cristine Negrão e o Engenheiro de Pesca José Pitombeira. Também estiveram no local, os técnicos do ICNBio que atuam no Parque Nacional de Jericoacoara. Segundo os técnicos da AQUASIS o animal media 4,20m de comprimento, pesava cerca de 400 kg e tratava-se de uma espécie rara para o litoral cearense. Com a localização do animal, vários curiosos comparecem ao local e o que não faltou foi palpite para a possível causa do encalhamento do animal. Não é a primeira vez que fatos como este acontecem na Praia do Preá. No início da década de 60, uma grande Baleia foi encalhada no mesmo local em que esta encalhou. Em 2.009, outra Baleia também foi encontrada encalhada na vizinha Praia de Formosa, onde, posteriormente, foi encontrado um filhote de Peixe Boi que foi capturado pelas redes dos pescadores de arrasto e resgatado pela equipe técnica da AQUASIS, tendo sido transferido de helicóptero para o Centro de Reabilitação em Caucaia, onde faleceu 5 dias depois com alto grau de infecção. Tinha recebido o nome de Preá Formosa.

Dr. Lima

Um comentário: