quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Nelson Martins: produtores que não vacinarem o gado serão notificados

Por: Márcio Dornelles

O atual secretário de Desenvolvimento Agrário do Ceará, Nelson Martins, assume a pasta deixada pelo deputado estadual eleito, Camilo Santana, e já encampa um dos principais objetivos para 2011 e 2012: passar o gado do “risco médio” para a “zona livre” com vacinação da febre aftosa.

Em entrevista ao Jornal Alerta Geral, o ex-líder do governador na Assembléia Legislativa afirmou que a classificação dará tranqüilidade na hora de comercializar produtos. O relatório da segunda etapa da vacinação de 2010 ainda está sendo concluído e deve ser divulgado em fevereiro. A intenção, segundo Martins, é ultrapassar a marca de 85% de vacinação dos gados.

“O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento irá fazer, a partir de março, o que eles chamam de exame sorológico. (Técnicos) Virão, de maneira aleatória, escolherão algumas propriedades e coletarão o sangue dos animais”, explica o secretário.

Aos produtores que não seguirem a instrução da Secretaria de Desenvolvimento Agrário, Nelson Martins lembra que eles poderão ser notificados. “Nós já fizemos esse levantamento. Ainda há, infelizmente, uma quantidade significativa de produtores, de proprietários de gados que não fizeram a vacinação e a gente vai ter que, porque é obrigado legalmente, notificar esses produtores. Fazer um trabalho de conscientização e educação para que esse índice possa melhorar cada vez mais”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário