segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Mortes em rituais satânicos

Uma história macabra, repleta de mistério e de crimes com requintes de perversidade. Este é o enredo de mais uma sigilosa investigação que a Polícia cearense está realizado e à qual o Diário do Nordeste teve acesso com exclusividade. O caso está em andamento no 32º DP (Bom Jardim) e trata de uma sequência de assassinatos ocorridos em diferentes bairros da Capital, mas que têm ligação entre si. Os suspeitos são membros de terreiros de Umbanda.

Os assassinatos, com características de rituais de magia negra, começaram a acontecer no meio do ano. As vítimas foram sequestradas, levadas para locais ermos - como encruzilhadas, matagais e estradas de terra em pontos desabitados - e mortas a facadas, tiros e, ainda, submetidas a abusos sexuais. A Polícia tem ainda a informação de que os crimes foram filmados pelos assassinos e as imagens exibidas em rituais de Umbanda em terreiros no Bom Jardim.

Lei matéria completa no Diario do Nordeste

Por Wilson Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário