quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Em Fortaleza aumento do IPTU é questionada pelos vereadores

Apesar do projeto de reajuste do Imposto de Predial e Territorial Urbano (IPTU) não ter chegado à Câmara Municipal, o líder da oposição na Casa, vereador Plácido Filho (PDT), questionou nesta terça-feira, 1°, eda taxa em determinadas plantas. O parlamentar destacou o pouco tempo para debater a matéria, pois o encerramento dos trabalhos da Casa estão previstos para o próximo dia 17.

“O aumento do IPTU é mais uma ação de massacre da Prefeita sobre o povo de Fortaleza”, frisou Plácido, evidenciando a situação dos serviços de saúde, educação e infraestrutura na Capital. “Nós, da oposição, não vamos permitir esse aumento”, colocou o parlamentar, ao reafirmar o compromisso dos vereadores com o eleitorado de Fortaleza.

Em aparte, o vereador Marcelo Mendes destacou os recursos destinados à Prefeitura de Fortaleza pela Medida Provisória 462, que giram em torno de R$ 32 milhões. O parlamentar questionou também o envio tardio do projeto à Câmara, não dando tempo para um estudo embasado e com uma aprovação no apagar das luzes. “A Câmara não pode deixar passar essa matéria sem discussões. A população não irá nos perdoar”. (Jangadeiro).

Por Wilson Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário