sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Lula diz que quer tirar o povo da m...

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva quebrou o protocolo ontem em visita ao Maranhão e falou um palavrão durante discurso numa cerimônia de assinaturas de contratos do programa federal Minha Casa Minha Vida. Ao destacar que o governo federal está fazendo investimentos expressivos em saneamento básico, Lula soltou: "Não quero saber se o João Castelo (prefeito de São Luís) é do PSDB, se outro é do PFL (atual DEM) e não quero saber se é do PT. Eu quero saber se o povo está na merda. Eu quero tirar o povo da merda em que ele se encontra", disse.

Após aplausos e risos da plateia, o presidente percebeu o deslize e tentou ali mesmo se justificar. "Lógico que eu falei um palavrão aqui. Amanhã os comentaristas dos grandes jornais vão dizer que o Lula falou um palavrão. Mas tenho consciência de que eles falam mais palavrões do que eu todo dia e tenho consciência de como vive o povo pobre", emendou.

A declaração foi feita no segundo evento de Lula em sua visita à capital maranhense. Na cerimônia foram assinados contratos para a construção de 5.884 moradias pelo Minha Casa Minha Vida em todo o Estado. Pela manhã, o presidente entregou apartamentos para moradores de viviam em palafitas em São Luís. (DN).

Por Wilson Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário