sábado, 3 de junho de 2017

LOURES, O HOMEM DA MALA DE TEMER, VAI PARA A PAPUDA

Reprodução - O ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), ex-assessor de Michel Temer e que foi flagrado pela Polícia Federal com uma mala contendo R$ 500 mil em propinas, deverá ser transferido da carceragem da PF em Brasília para o presídio da Papuda. Loures foi preso no início da manhã deste sábado por determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e relator dos processos da Lava Jato na Corte, Edson Fachin. A transferência para a Papuda deverá acontecer na próxima segunda-feira (5).
No pedido de prisão preventiva, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, destacou que Loures é "homem de total confiança" de Michel Temer. Para Janot, o ex-deputado é "um verdadeiro longa manus de Temer", ou seja, o executor dos crimes determinados pelo comando de uma organização criminosa. Loures e temer são alvos de um inquérito da Operação Patmos, deflagrada pela Polícia Federal em 18 de maio a partir das delações premiadas de executivos do grupo JBS.
"Tratando-se o deputado federal Rodrigo Santos da Rocha Loures de político com influência no cenário nacional, até pouco tempo assessor do presidente Michel Temer, pessoa de sua mais estrita confiança, como declarado em áudio captado por Joesley (Batista, da JBS), revelam-se insuficientes para a neutralização de suas ações medidas diversas da prisão. Não se deixa, sem embargo, de lamentar que se chegue a esse ponto" disse Fachin em sua prisão.
Segundo ele, "o teor dos indícios colhidos demonstra efetivas providências (do ex-deputado Rodrigo Rocha Loures) voltadas ao embaraço das investigações, de modo que não é difícil deduzir que a liberdade do representado põe em risco, igualmente, a apuração completa dos fatos", completou.
http://www.brasil247.com/pt/247/brasilia247/299389/Loures-o-homem-da-mala-de-Temer-vai-para-a-Papuda.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário