quarta-feira, 28 de junho de 2017

Merval: acusação contra Temer tem excesso de provas


247 - Em sua coluna publicada nesta quarta-feira, Merval Pereira é categórico: a acusação contra Michel Temer tem fartas provas, isso pode até ser prejudicial para seu andamento.

"O excesso de provas anda prejudicando a efetividade de nosso sistema judicial. Já aconteceu antes no julgamento da chapa Dilma-Temer pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), está acontecendo agora na Câmara em relação ao processo apresentado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra o presidente Temer.

Nesse caso, temos não apenas as delações dos executivos da JBS, mas, também, a gravação do próprio presidente combinando, de viva voz, encontros clandestinos “sempre pela garagem, viu”, manobras escusas para garantir o silêncio de um preso (“O Eduardo também?”) e a indicação de um intermediário, o ex-assessor Rodrigo Rocha Loures (“Pode passar por meio dele, viu?”). Passar o que, cara-pálida?

Dias depois, aparece o mesmo Rodrigo, “da minha mais estrita confiança”, segundo Temer, correndo apressado com uma mala pelas ruas de São Paulo, mala que, devolvida depois que soube que havia sido filmado pela Polícia Federal, continha R$ 500 mil, primeira parcela de muitas, negociação que a polícia também gravou, para que a JBS pudesse comprar diretamente gás da Bolívia para uma termelétrica cujo fornecimento era exclusivo da Petrobras.

Propina para 20 anos, parcelada em prestações semanais. (“Passar por meio dele”)."

Fonte: https://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/303527/Merval-acusa%C3%A7%C3%A3o-contra-Temer-tem-excesso-de-provas.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário