segunda-feira, 15 de abril de 2013

Nicolás Maduro é eleito presidente da Venezuela

Por Redação Yahoo! Brasil


Nicolás Maduro, 'herdeiro político' de Hugo Chávez, foi eleito presidente do país, em votação realizada 40 dias após a morte do líder venezuelano.
Maduro, 50 anos, é do PSUV (Partido Socialista Unido da Venezuela) e venceu o pleito com 50,6% dos votos. O oposicionista Henrique Capriles, 40 anos, do MUD (Mesa de Unidade Democrática) ainda não se pronunciou oficialmente sobre o resultado.

Leia mais
Maduro: 'Temos uma vitória eleitoral justa, legal, constitucional'
Candidato da oposição venezuelana denuncia plano para mudar resultado eleitoral
Conta no Twitter de Maduro é pirateada

Maduro apresentará na segunda-feira provas do 'intervencionismo' americano
O resultado da eleição foi divulgado por Tibisay Lucena, chefe do conselho eleitoral. Capriles teve 49,07% dos votos. Pouco antes do anúncio, a oposição insinuou uma tentativa de fraude, mas foi amplamente rechaçada pelo governo.
Sucessor direto do ex-presidente venezuelano Hugo Chávez, morto em 5 de março, terá a tarefa de consolidar a 'Revolução Bolivariana' implementada pelo líder durante seus 14 anos no poder. Além disto, Maduro precisará conquistar os venezuelanos. Menos carismático que o 'Comandante', ele precisa manter a unidade do chavismo e encontrar uma maneira para governar o país.
Nicolás Maduro herda uma Venezuela com reservas gigantestas de petróleo, mas com a maior inflação da América Latina (20,1%) e uma dívida pública que alcança 50% do PIB.

Carreira política

Maduro militou por vários anos na Liga Socialista e ajudou na criação do partido chavista PSUV. Entre 1991 e 1998, trabalhou como condutor do metrô de Caracas e era líder sindical da categoria.
De 1999 a 2005 esteve presente no governo de Chávez como deputado, mas um pedido do 'Comandante' o fez assumir o cargo de Ministro das Relações Exteriores da Venezuela.
Maduro foi citado inúmeras vezes por Chávez como alguém que veio do povo e chegou ao poder.

Nenhum comentário:

Postar um comentário