terça-feira, 9 de abril de 2013

Coreia do Norte adverte estrangeiros a sair do Sul

Por O Globo | Agência O Globo

SEUL - A Coreia do Norte advertiu estrangeiros na Coreia do Sul nesta terça-feira para deixar o país, porque eles estariam em risco no caso de um conflito, informou a agência de notícias estatal KCNA. O anúncio vem poucos dias após a Coreia do Sul aconselhar os funcionários das embaixadas estrangeiras em Pyongyang a deixarem o país antes do dia 10 sob o argumento de uma suposta guerra iminente.

Leia mais:
Situação na Coreia do Norte pode ficar incontrolável, diz a ONU
Rússia diz que G8 rejeita conduta "belicosa" da Coreia do Norte
Norte-coreanos não aparecem em Kaesong

"Não desejamos ver os estrangeiros na Coreia do Sul afetados em caso de guerra", disse a KCNA, citando o Comitê da Paz da Ásia-Pacífico da Coreia do Norte.

Poucas embaixadas em Seul recomendaram que seus cidadãos deixassem o país. Os Estados Unidos, também ameaçado por Pyongyang, disse que não havia sinais iminentes de ameaças aos cidadãos americanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário