quarta-feira, 8 de maio de 2013

O Brasil foi a única economia dos BRICs que melhorou em abril

 

Qua, 08 de Maio de 2013 15:34

Escrito por PT Senado

 

localizacao-brasil-globo

O Brasil é o único país entre os emergentes (Brasil, Rússia,Índia, China e África do Sul) que teve bons resultados econômicos em abril, segundo pesquisa realizada pelo HSBC e divulgada nesta quarta-feira (08). De acordo com o Índice de Gerentes de Compras (PMI) composto do País, a pontuação do Brasil ficou em 51,5 comparado com 51 no mês anterior, impulsionado por dados do setor de serviços

As perspectivas de crescimento para mercados emergentes caíram para o menor nível em sete meses em abril, à medida que dados chineses e outros de produção decepcionaram. O Brasil foi o único que seguiu tendência contrária.

Dados chineses mais fracos e a redução da produção na Rússia e na Índia levaram o índice composto para mercados emergentes (EMI, na sigla em inglês) do HSBC, uma combinação dos dados da pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI) de indústria e serviços, a cair para 51,3 em abril, o menor nível em mais de um ano e meio e abaixo dos 52,5 registrados em março. A pesquisa coleta dados de PMIs de cerca de 7.500 empresas em 16 mercados emergentes.

O PMI composto da China caiu para 51,1 em abril ante 53,5 em março, o menor nível em seis meses, sugerindo que a economia está desacelerando ao passo que a demanda da América, Ásia e Europa diminui e a produção industrial perde ritmo. O índice continua acima da marca de 50, que separa crescimento de contração.

O índice futuro de produção, que analisa as expectativas de atividade das empresas em 12 meses, caiu pelo segundo mês em abril, recuando mais de cinco pontos ante o mesmo mês do ano passado e retornando para níveis vistos pela última vez em setembro.

"Todos os países estão falando que o lado das exportações está fraco, mas o lado doméstico também está muito fraco. Serviços é um setor muito dominado domesticamente e até mesmo esse setor, com exceção do Brasil, enfraqueceu", afirmou o economista global do HSBC, Madhur Jha.O índice é calculado com base em dados produzidos pelo instituto Markit.

Com informações das agências de notícias

Arte: www.desenvolvimentistas.com.br

Leia mais:

Na mídia: Brasil sobre cinco posições no ranking de competitividade

Brasil foi 5º país que mais contratou em 2012, diz pesquisa

Entre maiores economias, Brasil é o que mais deve contratar em 2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário