quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

CAIXA CAPTA R$ 909 MILHÕES NA POUPANÇA E GARANTE RESULTADO POSITIVO DO MERCADO

No Ceará, foram abertas mais de 11 mil novas contas poupança

A Caixa Econômica Federal encerrou janeiro com a marca de R$ 130,6 bilhões em saldo de poupança, o que lhe garante a posição de líder absoluta do mercado, com 34,26% de market share, a maior participação desde outubro de 2009. De acordo com o balanço do Banco Central, todas as instituições financeiras somaram captação líquida positiva de R$ 275 milhões no mês de janeiro, em caderneta de poupança. Esse resultado só foi possível graças aos R$ 909,9 milhões captados pela CAIXA no mesmo período.

No Ceará, o Banco encerrou o primeiro mês do ano com um volume de R$ 3,5 bilhões em saldo de poupança, um valor 21,88% superior ao mesmo período de 2010. Só em janeiro, as unidades da Caixa no Ceará abriram 11.235 novas contas de poupança e o volume de captação no mês foi de R$ 1.374.826,00.

Cerca de 300 mil brasileiros procuram a CAIXA mensalmente para abrir uma conta de poupança. “Atributos como segurança, liquidez e facilidade de acesso estimulam cada vez mais pessoas a investirem suas economias na Poupança da CAIXA, que já registra mais de 41 milhões de contas ativas”, destaca o vice-presidente de Pessoa Física do banco, Fábio Lenza.

A poupança da CAIXA é isenta de tarifa de abertura e manutenção, não exige valor mínimo para abertura, são aceitos depósitos em qualquer dia do mês e não há incidência de IR. Para abrir uma conta, basta apresentar os documentos de identidade, CPF e comprovante de residência em qualquer agência da CAIXA e o cliente tem a comodidade de receber o cartão magnético em sua residência poucos dias depois.

150 ANOS DE HISTÓRIA

A Caixa Econômica Federal foi criada em 12 de janeiro de 1861, no Rio de Janeiro, pelo Imperador Dom Pedro II, com a missão de conceder empréstimos e incentivar a poupança popular. Nascida com a CAIXA, a poupança foi concebida para garantir reserva monetária, especialmente para as camadas mais pobres da população, inclusive escravos.

O hábito de poupar na CAIXA, passado de mãe para filha, continua sendo um dos principais investimentos do brasileiro. “Minha filha, guarde seu dinheirinho. Vá até a Caixa Econômica e abra uma poupança. Lá seu dinheiro estará ‘salvo guardo’”. Foi por causa desse conselho, dado por sua mãe há 44 anos, que a funcionária pública aposentada Maria Guilhermina Gondim foi à agência Iracema, em Fortaleza (CE), em 1967, e se tornou uma poupadora.

Hoje, prestes a completar 90 anos, a simpática Dona Guilhermina destaca que o conselho recebido foi um dos grandes aprendizados passados por sua mãe. “Todo mês ia até a agência e guardava grande parte do meu salário. Segui direitinho o conselho da mamãe”.

Caixa Econômica Federal

Assessoria de Imprensa

Tel.: (85) 3266-2531/3270-2746

www.caixa.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário