terça-feira, 27 de dezembro de 2011

C R Ô N I C A R A D I O A M A D O R Í S T I C A 01.01.2012

 

Para iniciar o período de crônicas radioamadorísticas do ano de 2012, nada melhor do que a ideia de que todos os candidatos ao Radioamadorismo ou mesmo os Radioamadores devem procurar incutir neles os hábitos das boas maneiras e educação ao operar em rádio.

Aliás essa dica deve se aplicar também àqueles que já são Radioamadores noviços e Sênior ou antigos.

A base de toda a educação ao falar no rádio é o tripé constituído pelas palavras POR FAVOR, SINTO MUITO e OBRIGADO. Embora nos pareçam familiares, essas são palavras que frequentemente são mal ou não empregadas pelos Radioamadores. Ou pior ainda: totalmente esquecidas... Pelo menos é o que constatamos quando “corujamos” alguns QSO´s.

Os Radioamadores têm que saber que o Radioamadorismo

tem o seu próprio idioma ou língua, ou gíria, e para você entender o que é falado ou escutado, tem que aprender o linguajar como uma outra língua. Então quando você não fala a língua muito bem é muito fácil ficar por fora de tudo e provocar enganos ou erros. É ainda difícil se comunicar e é muito fácil ofender os colegas. Por essa razão eu quero, hoje, falar acerca de três palavras muito importantes, que são comuns para qualquer língua que vamos aprender e também para o linguajar radioamadorístico, que pode ajudar você em muitas situações.

A primeira delas é

POR FAVOR

Esta simples palavra é vital. Em outras línguas as pessoas usam muito o imperativo e também no Radioamadorismo brasileiro, mas isso não é uma boa ideia usar o imperativo sem a palavra “POR FAVOR”. Por exemplo, se você diz: “colega vá para a frequência tal!” isso soa muito mal, como uma ordem. Mas se você diz, “POR FAVOR, colega, vá para a frequência tal”, isso soa como um convite. Ou melhor ainda, diga assim, POR FAVOR, colega, vá para a frequência tal.

O mesmo é verdade para outros imperativos. Nunca diga “venha para esta frequência”, mas sim, “venha para esta frequência, por favor” ou ainda melhor, “por favor, você poderia vir para esta frequência?” Nunca diga “venha mais tarde para esta frequência”, mas “por favor, venha mais tarde para esta frequência”, ou “por favor, você poderia vir mais tarde para esta frequência?”

É também uma boa ideia dizer sempre “por favor” quando você faz uma pergunta. A pergunta “onde é o seu QTH?” pode parecer rude, mas se você diz “por favor, onde é o seu QTH”? soa melhor. Melhor ainda, seria: “desculpe-me, por favor, você poderia me dizer onde é o seu QTH? Da mesma maneira, “posso usar sua frequência?” é muito direta. É melhor dizer, “por favor, eu poderia usar a sua frequência?!

SINTO MUITO

SINTO MUITO é uma outra palavra essencial, especialmente usada dentro do Radioamadorismo. Se você não entende alguma coisa, não diga “O QUE?”, pois isso pode soar rude. É melhor você dizer “ eu sinto muito, mas eu não entendi o que você falou, você pode repetir?” De fato você pode dizer “SINTO MUITO” em muitas situações e com isso você dará uma impressão positiva!

OBRIGADO(A)

E finalmente, sempre diga “OBRIGADO”. É uma palavra muito utilizada no mundo todo. Quando alguém lhe fizer um favor, sempre diga “OBRIGADO”. Se você não diz “OBRIGADO” os outros ficam pensando que você não tem boas maneiras, ou é mal educado. Dentro do Radioamadorismo é frequentemente mais importante ter boas maneiras do que falar bem o idioma. Se você for polido, as pessoas perdoarão os seus erros gramaticais.

P T 7 V O I S I D N E I

Nenhum comentário:

Postar um comentário