quinta-feira, 31 de julho de 2008

GILBERT GIL DEIXA O CARGO

O cantor e compositor baiano Gilberto Gil anunciou ontem que obteve o consentimento do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para sua saída do Ministério da Cultura, na terceira de três tentativas, de acordo com ele. ´Pela primeira vez, nestas três vezes em que coloquei a ele (Lula) a necessidade de me afastar, desta vez encontrei-o mais tranqüilizado em relação ao ministério em si e ao legado dele´, afirmou Gil, em entrevista coletiva no início da noite de ontem.´Já era desde o final do primeiro mandato a minha intenção (deixar o ministério). Me sentia com o ciclo concluído. Já vinha enfrentando uma pressão um pouco maior das minhas atividades particulares. Ainda assim, atendi a pedido do presidente e permaneci mais algum tempo. Agora sinto que já temos condições de nos afastar sem dificuldades maiores para ele, tanto do ponto de vista político quanto do desempenho técnico do ministério, que fica com uma equipe azeitada, treinada, inteiramente adaptada ao trabalho do ministério com confiança´.
De acordo com Gil, Juca Ferreira, secretário-executivo do Ministério, assume o cargo interinamente até a volta do presidente, que viajou para China. ´
Juca Ferreira deverá ser efetivado no cargo. Essa é a intenção que ele me manifestou´.

Nenhum comentário:

Postar um comentário