segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

MORO DIZ NÃO SE SENTIR RESPONSÁVEL PELO GOLPE

O juiz Sergio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato em primeira instância, afirmou nesta segunda-feira 6, durante uma palestra na Universidade de Columbia, em Nova York, nos Estados Unidos, que "não sente responsabilidade pelo impeachment" da ex-presidente Dilma Rousseff. "Não sinto nenhuma responsabilidade pelo impeachment. Eu somente fiz meu trabalho", disse.
Moro disse que tudo o que fez em relação a Dilma foi atuar quando percebeu que havia intenção de obstrução de Justiça. "Nossa decisão foi de não esconder nenhuma evidência nesses casos", declarou o juiz, em referência à divulgação das conversas entre Dilma e o ex-presidente Lula, que foram veiculadas na imprensa e cuja publicação foi considerada ilegal pelo então relator da Lava Jato no STF, ministro Teori Zavascki, falecido em janeiro.
O juiz da Lava Jato também comentou o fato de seu nome liderar a lista tríplice da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) de indicados a Michel Temer para o STF. "A Suprema Corte não seria para mim e não acho que eu seria escolhido", afirmou.
Ele também negou que a Lava Jato faça parte de uma estratégia política. "Alguns críticos reclamam que Lava Jato é política. Um crime que envolve políticos é quase inevitável que se tenha consequências políticas. Os juízes não têm controle disso. As empresas têm que fazer a sua lição de casa", disse.
http://www.brasil247.com/pt/247/parana247/278918/Moro-diz-n%C3%A3o-se-sentir-respons%C3%A1vel-pelo-golpe.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário