quinta-feira, 12 de março de 2015

FHC não quer que lembrem da “sua” Petrobras? Tudo bem, falamos do resto…

Autor: Fernando Brito

gadelha1

Meu bom amigo Hayle Gadelha, em seu blog, a propósito das declarações de Fernando Henrique Cardoso sobre a fala de Dilma Rousseff, dizendo que a investigação na Petrobras deve abranger, também o período tucano, quando disse que a Presidenta agia “como um batedor de carteiras que grita “pega ladrão”, faz uma excelente coletânea do “recordar é viver” de que o ex-presidente precisa.

Percorreu as manchetes de fevereiro de 1999, período igual do primeiro ano do segundo mandato de FHC e recolheu várias pérolas daquele período.

Deixo vocês com o texto do Gadelha, mas antes ajudo também a memória do veterano entreguista: dê os créditos ao autor da fala, que é Jader Barbalho, que a usou quando Antonio Carlos Magalhães, brigado com o sorbônico, disse que ele era conivente com bandalheiras.

Até nisso FHC é esquecido.

Tucano passa, Tucano voa
E as manchetes do seu tempo pungueiam numa boa…

Hayle Gadelha

Fernando Henrique sentiu o golpe. Foi só Dilma lembrar que a roubalheira deveria ter sido investigada desde a década de 90 que ele subiu nas tamancas e levou o seu sorbonês ao nível mais baixo do momento. Insinuou que a Presidente é punguista!!! Não entendo mesmo esse Fernando Henrique – além de querer se passar por rei da cocada preta, faz de conta que não lembra dos seus desatinos de governo, tenta insinuar que hoje vivemos muito pior do que nos tempos dele. Para refrescar a memória, recuperamos algumas manchetes publicadas pelo Globo há exatamente 16 anos, quando Fernando Henrique – como Dilma – iniciava o seu segundo mandato. Hoje é 23 de fevereiro? Então vejamos o Globo do dia 23 de fevereiro de 1999: “ACM diz que intromissão do FMI fere a soberania”, “Inflação sobe para 2,64% após a desvalorização do real”, “Quem foge de problemas é traidor, diz FH”.

gadelha2

Outras manchetes históricas: “FMI pedirá ao Governo novas medidas de ajuste fiscal” (dia 1º/ fev), “Juros vão a 39% e dólar cai pela primeira vez em 20 dias” (2/fev), “Mudança no comando do BC faz o dólar despencar” (3/fev), “Governo propõe congelar prestação em dólar até abril” (4/fev), “Revisão de acordo com o FMI prevê ajuste ainda mais duro” (5/fev), “Manifesto de governadores irrita FH e interrompe o diálogo” (6/fev), “Ajuste fiscal vai conter o aumento do mínimo” (7/fev), “Fundação Getúlio Vargas prevê inflação de 8% no primeiro trimestre” (10/fev). Tem essa bem atual: “Carnaval da crise lota Sapucaí de estrangeiros” (15/fev). E olha essas: “Crescimento da economia no Brasil é o pior desde 1992” (20/fev), “Queixas contra o sistema financeiro batem recorde” (21/fev). Temos também: “BC intervém de novo mas não consegue acalmar o mercado” (25/fev) e “ACM: Senado não permitirá que FMI decida onde cortar” (28/fev).

Como dá para perceber, as manchetes econômicas do tempo de Fernando Henrique não deixam nada a desejar. São arrasadoras. Com o agravante de que as notícias na área social nem existiam… Mas você agora vai perguntar: “E a corrupção? E a Petrobras?” Pois é, fiz a busca com essas palavras e surgiram 93 páginas para o ano de 1999. Mas não encontrei grande destaque no mês de fevereiro.

As manchetes devem ter sido pungueadas…

http://tijolaco.com.br/blog/?p=24985

Nenhum comentário:

Postar um comentário