terça-feira, 24 de março de 2015

Brasileiros no HSBC serão fisgados com ajuda internacional

 

:

Novo secretário nacional de Justiça, Beto Vasconcelos, ex-chefe de gabinete de Dilma Rousseff, revela que operações não declaradas de brasileiros no banco da Suíça serão alvo de processos; "A cooperação jurídica internacional está em vias de ser formalizada, no máximo, até o início da semana", afirma

24 de Março de 2015 às 05:30

247 – O Brasil se prepara para abrir sério de processos contra correntistas do HSBC na Suíça em situação irregular. Segundo o novo secretário nacional de Justiça, Beto Vasconcelos, operações não declaradas serão investigadas com ajuda de outros países: "A cooperação jurídica internacional está em vias de ser formalizada, no máximo, até o início da semana", afirma.

Em entrevista à ‘Folha de S. Paulo’, ele afirma que "em linhas gerais, os dados processados e identificados fora do procedimento regular, como declaração de renda, podem ser objeto de apuração por indício de irregularidades e ilicitudes".

Questionado sobre os recentes casos de corrupção, ele afirma ainda que “onde havia impunidade não há mais”: "Quando se tem a coragem de enfrentar a corrupção, criando mecanismos de prevenção, repressão e fortalecimento institucional, como (a presidente Dilma) fez, você corre o risco de ter a sensação de que a corrupção aumentou" (leia mais).

http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/174335/Brasileiros-no-HSBC-serão-fisgados-com-ajuda-internacional.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário