quinta-feira, 26 de março de 2015

ACUSADO PELO MPF, CGU E PF POR CORRUPÇÃO, "COMANDA" ATO CONTRA DILMA EM MS

 

O deputado federal Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) acusado pelo MPF, CGU, PF e CPI da AL-MS por diversos crimes de corrupção em Mato Grosso do Sul, comanda o ato contra a presidenta Dilma Roussef, dia 15 de março em Campo Grande.
Mandetta e mais 24 respondem, incluindo seu primo o ex-prefeito de Campo Grande Nelson Trad Filho, a ação de improbidade por fraude no sistema GISA em Campo Grande.
Segundo o MPF e Controladoria Geral da União, Mandetta juntamente com os demais comparsas provocaram um rombo de mais de R$ 14 milhões nos cofres públicos de Campo Grande.
MPF/MS: Nelsinho, Mandetta e mais 24 respondem ação de improbidade por fraude no GISA
Em tempo, ao protestar contra a presidenta Dilma Rousseff, a população de Campo Grande poderia aproveitar o ensejo e cobrar a devolução do dinheiro embolsado por ele, e seu primo. População de Campo Grande pagará dívida de R$ 8,2 Mi dos primos Trad e Mandetta.

http://www.plantaobrasil.com.br/news.asp?nID=87614

Nenhum comentário:

Postar um comentário