sábado, 1 de novembro de 2008

Operação de combate ao fogo na Serra da Meruoca

SERRA DA MERUOCA Equipes da Companhia de Polícia Militar Ambiental (CPMA) realizaram a operação cessar fogo na Serra da Meruoca para identifi car os incêndios ocorridos na área que fi ca na Zona Norte do Estado. As equipes também abordaram pessoas que mantinham animais silvestres em cativeiro e condutores de veículos com carregamento de lenha. A fi scalização ambiental, na última quinta-feira, abrangeu os municípios de Sobral, Meruoca e Alcântaras (Serra da Meruoca) para tentar coibir a ação de infratores ambientais com relação às queimadas irregulares que, muitas vezes, resultam em incêndios florestais, devastando grande parte da vegetação nativa e expondo a perigo a vida e a saúde das pessoas e animais. Segundo o comandante da Operação Cessar Fogo, tenente Gessivando Meneses da Silva, foram localizados terrenos em que ocorreram incêndios, inclusive ainda com chamas, mas não se identifi caram os autores. As famílias que moravam próximo também não souberam dar informações. Junto com o tenente da Polícia Militar estiveram dois soldados e uma equipe da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) chefi ada pelo engenheiro agrônomo Leonardo Alves Ferreira. As equipes também localizaram, na estrada que liga Sobral à Groaíras, outro incêndio. A área, que faz parte das terras da fazenda Lagoinha, é de difícil acesso. Os policias, juntamente com a equipe da Semace, deslocaram-se até a fazenda, mas não encontraram ninguém. O administrador, Antônio Privino Brandão, recebeu o Auto de Constatação deferido pela Semace já que não foi possível identifi car os infratores. Antônio também foi multado por manter em sua residência dois periquitosdo-sertão. (O Povo ).

Por Wilson Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário