domingo, 30 de outubro de 2016

REQUIÃO: BRASIL RESISTE À ODEBRECHT, NÃO À SELVAGERIA DE TEMER

Paraná 247 - Lembrando a frase atribuída ao juiz Sérgio Moro pela revista Veja neste fim de semana, em que o magistrado diz esperar que o Brasil "sobreviva" ao acordo de delação firmado entre a Odebrecht e o Ministério Público no âmbito da Lava Jato, o senador Roberto Requião (PMDB-PR) afirmou pelo Twitter neste domingo 30 que "não há dúvida" que o Brasil resistirá à denúncia da Odebrecht. Porém, não deve resistir "à proposta da selvageria do liberalismo" do governo de Michel Temer.
"Não há dúvida que o Brasil resiste à denúncia da Odebrecht. O que não deve resistir é à proposta da selvageria do liberalismo. Felizmente!", publicou o senador. "É triste e inimagináveis as razões que levam o congresso nacional a aderir a predação proposta pelo Meireles e o capital financeiro. A proposta de congelamento de gastos acompanhada da liberação para pagamento de juros da dívida não auditada é uma regressão à barbárie", criticou em seguida.
"Sem mais adjetivos, a PEC 241/55 é uma rematada besteira. Por ex, quebrou a perna, e não pode tratá-la por ter que pagar juros a rentistas?", questionou ainda Requião. Ele comentou também a denúncia da Odebrecht contra José Serra: "Para mim é bem claro que um sujeito com vocação de ministro das relações exteriores tenha recebido um Pixuleco fora do Brasil. LÓGICO!".
http://www.brasil247.com/pt/247/parana247/262974/Requi%C3%A3o-Brasil-resiste-%C3%A0-Odebrecht-n%C3%A3o-%C3%A0-selvageria-de-Temer.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário