sexta-feira, 25 de setembro de 2015

CRIME BÁRBARO COMOVE A CIDADE DE CRUZ

 

Cruz. Quarta-feira, 16, o Senhor João Sales Vasconcelos, de 55 anos, casado, residente em Jijoca de Jericoacoara, trabalhava como consultor de venda da UNIMED, foi assassinado no Centro Comercial de Cruz, por volta das 11 horas, quando estava sentado em frente a uma loja comercial. Um elemento natural de Cruz, conhecido pelo nome de Chico de Neon, vendedor de CDs, aproximou-se da vítima, pelas costas, e deferiu duas facadas: uma nas costas e outra no pescoço causando a morte imediata do Sr. João que ainda conseguiu se levantar e correr, mas não resistiu aos ferimentos devido à grande perda de sangue causada pelo seccionamento

Das veias e artérias.

clip_image002

Toda ação do criminoso foi gravada pelas câmaras de segurança de uma loja vizinha. Após o crime, o elemento tentou se evadir, mas, logo foi detido por populares que o entregaram a Polícia para ser autuado em fragrante.

Após a prisão, o elemento confessou que havia assassinado o Sr. João por engano, pois a intensão era matar outra pessoa, um comerciante de Cruz com quem tinha entrado em discussão horas antes do praticar o crime.

Este crime comoveu as duas cidades, pois João era natural de Cruz com residência em Jijoca de Jericoacoara.

Dr. Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário