segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Oposição protesta contra saída de Cardozo

: Líder do PSDB, Antonio Imbassahy, disse em nota que a mudança foi uma ação do ex-presidente Lula e do PT, que "querem impor uma mordaça aos investigadores"; senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) chegou a destacar o maior mérito do ministro, que foi não ter cedido a pressões do PT para interferir na PF; para Ronaldo Caiado (DEM-GO), a pressão do PT sobre Cardozo "constrange e envergonha o país"
29 de Fevereiro de 2016 às 18:50
247 – Líderes da oposição protestaram nesta segunda-feira 29 contra a saída do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e atribuíram a mudança a pressões do PT e do ex-presidente Lula.
Em nota, o líder do PSDB na Câmara, deputado Antonio Imbassahy (BA), disse que a mudança foi um movimento de Lula e do PT, que "querem imporuma mordaça aos investigadores".
"O que o PT e Lula querem é que o ministro da Justiça controle as atividades da Polícia Federal e as investigações que atingem membros do governo e do partido. Sem ter como se explicar, os investigados querem impor uma mordaça aos investigadores. Típico daqueles que são autoritários e querem colocar o Estado a serviço deles", disse.
O senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) chegou a destacar um mérito do ministro, um dos principais aliados da presidente Dilma Rousseff: não ter cedido a pressões para controlar a PF. "Pressionar para que o ministro da Justiça interfira na Polícia Federal, além de arrogância, é burrice porque não se controla a PF. Ela é ciosa da sua autonomia e age quando precisa agir", afirmou.
Já o líder do DEM no Senado, Ronaldo Caiado (GO), afirmou que a pressão do PT sobre Cardozo "constrange e envergonha o país". "Essa ação do PT revolta a população e dá mais um incentivo para lotar as manifestações do dia 13 de março", declarou em nota.
http://www.brasil247.com/pt/247/poder/219075/Oposição-protesta-contra-saída-de-Cardozo.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário