sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

COMITÊ DE BACIA HIDROGRÁFICA DO ACARAÚ, 39ª REUNIÃO ORDINÁRIA

Cruz. Quinta-feira, 17/12, aconteceu a 39ª Reunião Ordinária do Comitê de Bacia Hidrográfica do Acaraú/CE, a última reunião agendada para 2015.
 clip_image002
Imediato Hotel – Varjota
A reunião aconteceu no Auditório Fátima Procópio, do Imediato Hotel, na Cidade de Varjota, Município fundado em 05 de fevereiro de 1985.
Várias instituições da Sociedade Civil e do Poder Público, que são membros do Comitê, estiveram presentes: COGERH, Prefeituras, UVA, Sindicato, Usuários de Água, EMATERCE, DENOCS, CAGECE etc.
clip_image004
Bartolomeu – COGERH – Sobral
Na pauta, para as discursões: Capacitação dos membros do CBH; exposição sobre o Município de Varjota, que foi feita pelo Senhor Raimundo; definição do Calendário de Reuniões Ordinárias para o ano de 2016; Projeto de revitalização das Nascentes do Rio Acaraú, que foi apresentado pelo Professor Ernane Cortez da UVA; fechamento das comportas do Ararás, por solicitação dos ribeirinhos, que justificaram que “a quantidade de água liberada não surtiu os efeitos esperados, mas, que estava havendo desperdício do tão precioso líquido”; constituição de uma Comissão Técnica de cinco membros para elaborar um documento de inclusão da Comissão de Operação do Vale no Comitê de Bacia, cujo documento deverá ser submetido à apreciação do Comitê de Bacia para aprovação na próxima reunião; encaminhamentos, deliberações e encerramento.
clip_image006
Professor Ernane Cortez – UVA
Após, amplas discursões dos temas apresentados, chegou-se as seguintes conclusões: Aprovação do Calendário de Reuniões e eventos para o Ano de 2016, assim definido: Reuniões Ordinárias dia 17 de março na Cidade de Meruoca; dia 16 de Julho, na Cidade de Sobral; dia 15 de setembro, na Cidade de Santa Quitéria e dia 15 de dezembro, na Cidade de Acaraú, sendo que todas a reuniões acontecerão pela manhã em locais a serem definidos, posteriormente, e comunicados aos Membros do Comitê de Bacia.
clip_image008
Quanto aos eventos programados, ficou agendada a Primeira Capacitação, dias 17 e 18 de fevereiro, na Cidade de Cruz (Baixo Acaraú) e a Segunda Capacitação, dias 26 e 27 de outubro, na Cidade de Tamboril. Em 09 de janeiro, haverá uma reunião com as lideranças indígenas no Município de Monsenhor Tabosa.
clip_image010
Marcelo e Lucivânia
Cada município, que sediar uma reunião ou evento, fará uma breve exposição sobre a História do município com destaque para os Recursos Hídricos e Meio Ambiente.
clip_image012
Marcelo – Raimundo – Ernane
O Presidente do Comitê de Bacia João Marcelo de Andrade Alves e os representantes da COGERH: Bartolomeu, Kamylle Neto e Lucivânia Figueiredo fizeram as articulações e intermediaram os debates que foram conduzidos com elevada habilidade tendo sido bastante proveitosos.
clip_image014
Sec. Agr. Rocineuda – Varjota
clip_image016
Lucivânia Figueiredo agradeceu pela atenção e carinho, que sempre recebeu de todos os membros do Comitê, e apresentou suas despedidas, alegando transferência para a Capital Alencaria, mas, afirmou que, dependendo do cargo que for assumir, caso tenha relação com o Comitê, continuaria dando a sua colaboração.
A reunião encerrou-se com as felicitações de um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo e almoço para todos os participantes da reunião.
clip_image018
Hora do Almoço
Nos despedimos e fomos embora. Voltaremos a nos encontrar em 2016, para dar continuidade a este importante trabalho do Comitê de Bacia em defesa dos ribeirinhos e do Meio Ambiente.
Dr. Lima
Membro Titular o Comitê de Bacia – Sociedade Civil
Radialista de Cruz.
ARARAS E JAIBARAS, DOIS GIGNTES DAS ÁGUAS QUE ORGULHAM OS CEARENSES
Cruz. Nesta quinta-feira, 17/12, tive a oportunidade de conhecer os Açudes Jaibaras e Araras, assim, realizado um sonho da infância, quando ouvia falar nestes açudes como sendo dois Gigantes das Águas do Ceará que orgulham o povo sertanejo Cearense.
clip_image020 clip_image022
Açudes Araras – cheio Açude de Araras – Seco
Infelizmente, os conheci na fase mais triste de suas histórias recheadas de encantos e belezas mil. Esperei mais de 50 anos para a realização deste sonho.
clip_image024
Açude Jaibaras
Jaibaras e Araras atingem o mais baixo nível de água desde quando foram construídos: Jaibaras (Aires de Sousa) em 1936 e Araras (Paulo Saraste) em 1958.
Araras, com capacidade de armazenamento de água de um bilhão de metros cúbicos, fica localizado no Município de Varjota.
clip_image026
Jaibaras, com capacidade de armazenamento de água de 104,4 milhões de metros cúbicos, localiza-se na divisa dos municípios de Sobral e Cariré.
Ambos situados na Bacia Hidrográfica do Acaraú.
clip_image028
Dr. Lima chegou ao Araras aos 64 anos.
A economia da região sempre girou em torno destes açudes que forneciam água para dessedentar os animais, plantações de vazantes, produção de pescado, energia elétrica, abastecer os perímetros irrigados da Vale do Acaraú, abastecer cidades como Sobral, impulsionavam o desenvolvimento do turismo regional, além de servir como meio de transporte para os moradores das margens destes açudes que tinham nas embarcações seu principal meio de transporte.
clip_image030
A Fé que conforta o Sertanejo
Hoje, o seu leito de terra rachada, ladeado de uma vegetação ciliar desfolhada, de cor cinzenta, como muito bem descreveu Raquel de Queiroz em sua Obra Prima – O Quinze, só nos traz tristeza, dor e emoção. A pouca água que ainda resta no seu leito mais profundo substituiu a sua cor azul anil e cristalina por uma cor escura e barrenta, tornando-se impropria para o consumo humano.
clip_image032
Presidente do Comitê Marcelo
“A seca terrível, que tudo devora” destruiu os Gigantes das Águas do Ceará. Mas, o sertanejo ainda não se desespera e, com fé, apela para Providência Divina, que Padim Cicero e Frei Damião, intercedam junto ao Pai Eteno e faça chover na “Terra da Luz” “pra ver se nasce um planta no chão”.
clip_image034
A vegetação cinzenta pede socorro
Para os meteorologistas, teremos um 2016 com poucas chuvas, mas, os profetas populares propagam, através de suas experiências e sabedorias tradicionais, uma boa quadra invernosa. Neste duelo de gigantes, a nossa fé é bem maior e vamos fazer uma corrente de orações em favor dos nossos Profetas, pois, é das profecias deles que o sertanejo precisa.
Dr. Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário