terça-feira, 15 de julho de 2014

O deputado federal José Airton falou ontem (14/07) em tribuna sobre a reunião que acontece hoje do BRICS em Fortaleza.

Brics[1]

“Senhor presidente, Sras. e Srs. deputados, eu queria registrar que um dos maiores acontecimentos da humanidade que vai iniciar daqui a pouco: a nossa Capital, Fortaleza, vai ser a Sede Mundial da Cúpula do BRICS — Brasil, Rússia, China, Índia e África do Sul. Esse bloco, que responde por cerca de 42% da população mundial e cerca do 20% do PIB mundial, representa uma nova geopolítica internacional. O nosso País, sobretudo o nosso Estado do Ceará, Fortaleza, vai sediar esse grande acontecimento internacional. Após as discussões, haverá a Carta de Fortaleza como uma grande contribuição para que nós possamos, nessa carta de intenções, de compromissos, sobretudo, criar mecanismos internacionais de cooperação, como, inclusive, a criação do Banco dos BRICS, que vai, inclusive aportar um capital inicial de cerca de 50 bilhões de reais”, disse.

“Creio que isso seja um acontecimento que vai marcar uma nova configuração internacional para que os países em desenvolvimento possam de fato iniciar e construir um novo patamar de relacionamento e de desenvolvimento, em que haja crescimento compartilhado entre as nações. E acho que isso é uma política que difere do modelo atual de concentração de renda dos países capitalistas capitaneados pelos Estados Unidos e por alguns países europeus. Essa configuração teve inclusive uma participação decisiva do ex-presidente Lula, do ex-presidente da África do Sul, Nelson Mandela, e de outros grandes líderes internacionais. Inicia-se com esta cúpula um processo de reorganização de desenvolvimento, para que nós possamos construir um desenvolvimento com paz, um desenvolvimento com crescimento justo e com distribuição de renda entre os povos,e sobretudo uma nova configuração internacional”, finalizou o deputado José Airton. 

Claudia Vidal - Jornalista: DRT 6203/PR
Assessoria de Comunicação e Marketing Institucional
Deputado federal José Airton Cirilo (PT/CE).

Nenhum comentário:

Postar um comentário