sábado, 19 de julho de 2014

Brasil e China firmam acordos em energia, ferrovias e aviação

 

Cooperação espacial será ampliada e haverá incentivo ao ensino de mandarim

Por Agência PT

10408597_659545747465137_8113003578630180998_n[1]

A presidenta Dilma Rousseff e o presidente da China, Xi Jinping, assinaram nesta quinta-feira (17) cerca de 30 acordos em áreas como aviação civil, energia, sistema financeiro, infraestrutura, educação, mineração, tecnologia, resseguros, construção e agricultura.

Em infraestrutura, foi assinado memorando de entendimento sobre cooperação para elaboração de projetos ferroviários. De acordo com o Palácio do Planalto, Dilma e Jinping assinaram acordo para promoção de investimento e cooperação industrial e a compra de 60 aeronaves da Embraer.

Dilma e Xi Jinping assinaram ainda memorando de entendimento para cooperação e intercâmbio de dados de observação da terra e acordo para promoção de investimento de cooperação industrial e de tecnologia da informação.

Na área consular, Brasil e China firmaram acordo para facilitar a emissão de visto de negócios, que terá três anos de validade e permite a permanência no país por até 180 dias.

Em educação, brasileiros e chineses firmaram entendimento para incentivar a difusão do mandarim no Brasil. Também foi firmado acordo para oferta de estágio na China para estudantes do Programa Ciência sem Fronteiras.

No setor energético, foi assinado acordo de cooperação estratégica entre Eletrobrás, Furnas e as empresas chinesas China Three Gorges Corporation e CWEI Participações, para cooperação na construção da Hidrelétrica do Rio Tapajós.

Da Redação da Agência PT de Notícias, com informações da Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário