quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Ôôô, o carnaval acabou’, gritam PMs grevistas na Bahia

Após uma tentativa frustrada de acordo com o governo da Bahia, policiais militares grevistas foram à rampa da Assembleia Legislativa do Estado e gritaram em coro: “Ôôô, o Carnaval acabou!”

A reunião entre governo e PMs terminou nesta terça-feira (7) sem acordo. A greve dos PMs da Bahia começou na semana passada. Eles reivindicam aumento salarial e a incorporação de gratificações aos salários.

Em entrevista à Folha, o governador Jaques Wagner (PT) disse que não pagaria nada acima do reajuste já concedido ao funcionalismo do Estado. Porém, prometeu negociar uma saída para o impasse. A reunião terminou sem acordo.

A Assembleia Legislativa foi invadida pelos grevistas e está cercada por homens do Exército desde a madrugada desta terça-feira. A luz foi cortada no local.

Balanço divulgado pelo Exército aponta que sete crianças e nove adultos que estavam entre os policiais que ocupam a Assembleia deixaram o local entre a noite da última segunda-feira (6) e a manhã de terça-feira. Cerca de 300 PMs estão no local, segundo líderes do movimento. Diversos focos de tumulto ocorreram no local, e homens do Exército usaram balas de borracha e bombas de efeito moral.

O desembargador Jefferson Alves Assis, da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia, rejeitou o pedido de habeas corpus impetrado para suspender a ordem de prisão do principal líder da greve dos policiais militares, Marco Prisco.

(Folha)

Nenhum comentário:

Postar um comentário