terça-feira, 26 de maio de 2015

Vaccari: depósito na conta da mulher veio de salários

 

: 15/04/2015. Crédito: Geraldo Bubniak/AGB/Agência O Globo. Brasil. Curitiba - PR. Prisão de João Vaccaria - O tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, compareceu ao IML para realizar exame de corpo delito em Curitiba (PR). Secretário de Finanças do partido, te

Em pedido de reconsideração da prisão preventiva apresentado pelo advogado Luiz D´Urso ao juiz Sergio Moro, ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto afirma que os R$ 583 mil que foram depositados em dinheiro na conta da sua mulher, Giselda Rousie de Lima, entre 2008 e 2014, tiveram origem em seus vencimentos e estão declarados no Imposto de Renda; o valor - que daria R$ 6,9 mil por mês - seria, segundo ele, compatível com a renda bruta de R$ 3,4 milhões que teve no período

26 de Maio de 2015 às 05:44

247 - O ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, preso na operação Lava Jato, afirma que os R$ 583 mil que foram depositados em dinheiro na conta da sua mulher, Giselda Rousie de Lima, entre 2008 e 2014, tiveram origem em seus vencimentos e estão declarados no Imposto de Renda.

O valor - que daria R$ 6,9 mil por mês - seria, segundo ele, compatível com a renda bruta de R$ 3,4 milhões que teve no período.

As informações foram prestadas ao juiz Sergio Moro pelo advogado de Vaccari, Luiz D´Urso, em pedido de reconsideração da prisão preventiva.

“Em razão da própria atividade profissional do requerente, que inclusive sempre demandou inúmeras viagens pelo país, é Giselda, sua esposa, quem administra as finanças domésticas e, para tanto, o requerente lhe repassava os valores necessários, não tendo o requerente grande movimentação bancária, face a entrega de seu dinheiro para que a mulher o gerisse, depositando o em sua conta”, justificou.

Vaccari é acusado de ser operador de propina em nome do PT no esquema de corrupção na Petrobras.

http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/182332/Vaccari-depósito-na-conta-da-mulher-veio-de-salários.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário