sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

GOLPISTA ARREPENDIDO, PAULINHO FALA EM GREVE CONTRA FIM DA PREVIDÊNCIA

FABIO RODRIGUES-POZZEBOM/ABR
247 - O presidente da Força Sindical, deputado Paulinho da Força (SD), afirmou, nesta quinta-feira (8) que a proposta do governo para a reforma da Previdência penaliza os trabalhadores e que as centrais não aceitarão a idade mínima de 65 anos e o tempo de contribuição de 49 anos para poder receber 100% do benefício. “Provavelmente a grande maioria dos trabalhadores não chegará lá, vai morrer antes disso. Ou teremos que começar a trabalhar com 5 anos de idade?”, questionou. A declaração de Paulinho foi dada em reunião das principais centrais sindicais do Brasil. O encontro foi para iniciar o processo de mobilização contra a proposta de reforma da Previdência apresentada pelo governo. Os sindicalistas não concordam com os pontos mais importantes do projeto, como a idade mínima de 65 anos e a equiparação entre homens e mulheres, e alguns grupos já cogitam a possibilidade de greve geral. http://www.brasil247.com/pt/247/sp247/269559/Golpista-arrependido-Paulinho-fala-em-greve-contra-fim-da-Previd%C3%AAncia.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário