quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

ENTIDADES REPUDIAM MANOBRA PARA APROVAR PRESENTE DE TEMER ÀS TELES

Geraldo Magela/Agência Senado
Da Rede Brasil Atual - O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), a Associação Brasileira de Procons (Procons Brasil) e outras 18 organizações civis divulgaram nota de repúdio contra ato da Mesa Diretora do Senado Federal, que rejeitou recursos parlamentares exigindo discussão e votação em plenário do Projeto de Lei da Câmara nº 79/2016. O PLC 79/2016 transforma as concessões de telecomunicações em autorizações. Com isso, a intenção é transferir infraestrutura estratégica da União, avaliada em R$ 100 bilhões, para as teles. O Tribunal de Contas da União (TCU), após fazer uma auditoria, concluiu que o prejuízo do país, transferido como benefício às teles, chega a R$ 105 bilhões. "É um crime de lesa-pátria, é um processo criminoso", atacou o senador Roberto Requião (PMDB-PR), em vídeo divulgado em redes sociais. Segundo ele, embora senadores liderados por Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) tenham conseguido obter as oito assinaturas necessárias para o projeto ir ao plenário para ser discutido, deixando de ser "terminativo", os parlamentares da base do governo estão fazendo manobras regimentais e pressionando senadores para ele não ser discutido e ser sancionado. http://www.brasil247.com/pt/247/economia/271709/Entidades-repudiam-manobra-para-aprovar-presente-de-Temer-%C3%A0s-teles.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário