quarta-feira, 20 de abril de 2016

Como a Alesp trava a apuração da máfia da merenda

: "Sem oferecer nenhuma explicação, o deputado Campos Machado cancelou a reunião agendada para esta quarta-feira, dia 20, para a formação do Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, após um ano e cinco meses do início da legislatura", critica José Cassio, do DCM; Conselho pode apurar as irregularidades apontadas no escândalo da merenda, que teria beneficiado o presidente da Assembleia, o deputado tucano Fernando Capez
20 de Abril de 2016 às 12:12
247 - Sem oferecer nenhuma explicação, o deputado Campos Machado cancelou a reunião agendada para esta quarta-feira, dia 20, para a formação do Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, após um ano e cinco meses do início da legislatura. é o que aponta José Cassio, do DCM.
O Conselho pode apurar as irregularidades apontadas no escândalo da merenda, que teria beneficiado o presidente da Assembleia, o deputado tucano Fernando Capez.
“A Assembleia não legisla, não fiscaliza e não representa a população. É um ‘puxadinho’ do Palácio dos Bandeirantes, sede do governo estadual”, complementa o deputado Carlos Giannazi (PSOL) - leia aqui.
http://www.brasil247.com/pt/247/sp247/227316/DCM-como-a-Alesp-trava-a-apuração-da-máfia-da-merenda.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário